O que é um período de tempo e seu papel na negociação – como escolher um intervalo apropriado

Os melhores corretores de opcoes binarias 2020:
  • Binomo
    Binomo

    O melhor corretor!
    Conta demo gratuita e treinamento para iniciantes!
    Inscreva-se bonus!

  • FinMax
    FinMax

    Corretor de opcoes binarias confiavel! Boa resposta!

Contents

Что такое таймфрейм и его роль в трейдинге

Понятие «таймфрейм» может показаться незнакомым разве что начинающим трейдерам, которые совсем недавно начали торговать. Если коротко, то это период графика – секундный, минутный, часовой, дневной и т.д. Термины «период» и «интервал» применительно к валютному графику являются синонимами данного понятия. Однако одного лишь понимания значения этого термина недостаточно. Вопрос важный, поэтому в данной статье мы решили детально рассмотреть, что такое таймфрейм, его роль в трейдинге и как выбрать подходящее значение периода, на что опираться новичку.

Что такой таймфрейм?

Это термин калька с английского языка, состоящий из 2-х слов: «time» – время; и «frame» – ограничительные рамки. Таким образом, слово таймфрейм можно перевести как «временные рамки». Применительно к трейдингу это означает интервал времени, которое затрачивается на прорисовку отдельного элемента – японской свечи, ценового бара или точки.

Их существует множество видов. Проводится классификация по разным критериям, включая относительную продолжительность – долгосрочные, краткосрочные, краткосрочные. Также играет роль точное значение интервала обновления, например, 1 минута, 15 минут или 1 час, неделя. Рассмотрим этот момент подробнее.

Фрактальная структура графика

Для лучшего понимания сути вопроса необходимо краткое предисловие. Рынок представляет собой фрактальную структуру. Углубляться в теорию хаоса Билла Вильямса мы не планируем, поэтому затронем суть. Фрактал – структура, обладающая функцией самоподобия. Проще говоря, вне зависимости от ее масштаба, она сохраняет свой изначальный вид. Например, так в теории выглядит спиральная раковина улитки.

Свечной валютный график в точности соответствует данному критерию. Его период можно увеличивать и уменьшать, однако это не повлияет на его структуру. Например, 1-минутный график будет выглядеть так же, как и 1-дневной или недельный. Невооруженным взглядом практически невозможно отличить таймфреймы M1 и M5–M15. Это практически невыполнимая задача даже для опытных трейдеров. Если при этом они не будут знать, какой актив используется, так как валюты ведут себя по-разному.

Классификация таймфреймов

Опираясь на фрактальную структуру графика, можно сделать однозначный вывод, что понятие долгосрочности и краткосрочности являются относительными. Поэтому в зависимости от используемой площадки классификация будет своей.

  • Краткосрочные. Официальная градация: от 1 минуты до 15-ти. Относительно краткосрочных платформ, таких как Binomo, это – от 1 секунды до 30-ти.
  • Среднесрочные. Официально средним таймфреймом считается интервал от 30 минут до 4-х часов. Применительно к краткосрочным площадкам – 1 минута.
  • Долгосрочные. Стандартная градация – от 1 дня до 1 месяца. На площадках для торговли турбо-контрактами относительно долгосрочным интервалом графика является период от 5 минут.

Использование краткосрочных интервалов позволяет существенно сэкономить время. Если рынок не обладает достаточным уровнем волатильности, то это может привести к некоторому снижению точности сигналов. Но это в любом случае не играет ключевой роли.

Как выбрать таймфрейм – на что опираться?

Волатильность рынка. Это ключевой параметр. Низкая активность по выбранному активу приводит к тому, что малые интервалы графика не обеспечивают формирование законченных свечных элементов. Появляются множественные разрывы, что понижает точность технического анализа.

Торговый подход. Одни трейдеры предпочитают скальпинг (краткосрочные сделки), другие торгуют в рамках одного часа или рабочего дня, третьи открывают недельные сделки, а некоторые получают прибыль с позиций, которые держатся на рынке несколько месяцев вплоть до года. Краткосрочный трейдинг пользуется наибольшей популярностью среди новичков.

Os melhores corretores de opcoes binarias 2020:
  • Binomo
    Binomo

    O melhor corretor!
    Conta demo gratuita e treinamento para iniciantes!
    Inscreva-se bonus!

  • FinMax
    FinMax

    Corretor de opcoes binarias confiavel! Boa resposta!

Рекомендация стратегии. Если торговля ведется согласно пошаговой инструкции конкретной системы, то следует придерживаться рекомендации, данной в описании. При желании можно масштабировать систему до старшего или младшего таймфрейма, но при этом важно соблюдать исходное соотношение срока экспирации к интервалу. Например, 1-минутные сделки на графике 15 сек. занимают ровно 4 свечи. Поэтому можно масштабировать систему до 4-минутных сделок на 1-минутном таймфрейме.

Заключение

Начинающим трейдерам оптимально торговать на секундных и минутных графиках. Использование более протяженных периодов неоправданно, так как существенно увеличивает затрачиваемое на торговлю время. Это выбор профессионалов, которые подходят к долгосрочному трейдингу с пониманием сути дела.

Como começar a investir: um guia para dar os primeiros passos no mercado

Guia completo de investimentos para iniciantes. Confira tudo o que você precisa saber para mergulhar no mundo dos investimentos com segurança.

Quem já refletiu sobre o seu futuro financeiro certamente pensou sobre como começar a investir. O verbo talvez soe como uma possibilidade distante para muitas pessoas. Mas a verdade é que existem muitas formas de investir – das mais acessíveis às mais sofisticadas.

Conhecê-las, escolher a sua própria e dar os primeiros passos devem estar entre as prioridades de quem sonha em ter uma vida confortável para si e sua família.

Se lhe falta segurança sobre como começar a investir, esse guia explica os conceitos básicos do mercado financeiro e dos investimentos, de um jeito direto e descomplicado. Confira:

É possível investir com pouco dinheiro?

Antes de começar é importantes desmistificar algumas máximas tomadas como verdades absolutas. Por exemplo, muita gente pensa que investir é coisa para milionários. Que é preciso ter muito dinheiro para então poder começar. Mas, na verdade, não é.

Em muitos casos, o que acontece é o oposto: investindo aos poucos e regularmente, mesmo que uma quantia pequena, a riqueza vai crescendo com o passar do tempo.

Existem alternativas de investimentos para todos os bolsos, níveis de conhecimento e tempo de dedicação.

Na renda fixa, os títulos públicos federais negociados no Tesouro Direto estão disponíveis para quantias muito pequenas. É possível iniciar as compras no sistema a partir de R$ 30 – tão pouco quanto custa uma pizza.

Para quem já conseguiu guardar um pouco mais, é possível investir em CDBs – papéis muito comuns do setor bancário – com R$ 500 ou menos.

Mas realmente vale a pena começar com tão pouco? A resposta é sim. Pense em um CDB, por exemplo. A remuneração desse tipo de papel segue a lógica dos juros compostos. Significa que os retornos recebidos ao longo do tempo são incorporados ao patrimônio do investidor, e passam a render juros também.

Quem investiu R$ 1.000 em um CDB com juros de 5% terá R$ 1.050 ao fim do primeiro ano – e os 5% referentes ao ano seguinte serão aplicados sobre esse novo valor, em vez de apenas os R$ 1.000 iniciais. Os ganhos, portanto, são exponenciais, e não lineares.

E não apenas na renda fixa há opções mesmo para valores menores. Na renda variável, também existe essa possibilidade. Alguns fundos de investimentos exigem aplicações iniciais a partir de R$ 500.

Para quem já conhece um pouco sobre a Bolsa, é possível aportar valores baixos em ações utilizando o mercado fracionário – em que os papéis são vendidos individualmente, em quantias menores do que um lote padrão, normalmente de 100 ações.

A mensagem é clara: que tal começar a investir mesmo que seja um valor pequeno, com algum produto que permita aportes menores, no lugar de ficar esperando ter quantia maior para só então dar o primeiro passo? Dar a largada cedo é importante porque os rendimentos se acumulam, gerando ganhos ainda maiores no futuro.

Comece a investir agora e faça o seu dinheiro render: abra uma conta na Rico – é de graça!

Vale a pena investir endividado?

Quem está começando a organizar a vida financeira talvez tenha uma ou outra dívida ainda por quitar – mas gostaria de começar a investir mesmo assim. Faz sentido?

A resposta depende de um raciocínio sobre quanto é possível ganhar fazendo um investimento, em relação a quanto se gasta com os juros de uma dívida não quitada. A maioria das linhas de crédito mais acessíveis cobram taxas elevadas – como é o caso do cheque especial ou até do crédito pessoal voltado ao consumo. Regra geral, quanto antes for possível se livrar de uma dívida desse tipo, melhor, porque ela é muito cara.

É muito difícil uma aplicação financeira – principalmente as mais comuns para quem está iniciando a vida de investidor – oferecer uma remuneração superior aos juros cobrados nesse tipo de linha de crédito. Então, nesse caso, faz sentido direcionar qualquer dinheiro que sobrar para quitar a dívida. Depois, com o saldo devedor zerado, será possível investir de cabeça livre.

A única situação em que é lógico investir apesar de ter uma dívida não quitada é quando a aplicação tiver uma remuneração superior aos juros cobrados na linha de crédito. Imagine um financiamento imobiliário de custo muito baixo, em comparação com uma aplicação que rende bem. Nesse caso, é possível que a diferença seja positiva em favor do investimento. E então, seria boa ideia continuar investindo e, simultaneamente, seguir pagando as parcelas do financiamento.

É bom lembrar que esse raciocínio vale especialmente para investimentos mais conservadores, como os de renda fixa. A renda variável pode estar sujeita a oscilações bruscas, e dependendo do horizonte de tempo que o investidor tiver pela frente, pode incorrer em perdas financeiras. Quem tem uma dívida para pagar não deve correr esse tipo de risco.

Se você que sair das dívidas, precisa começar com um planejamento financeiro que ajude a organizar as receitas e despesas. Conheça o método 50-30-20, uma das maneiras mais simples e eficientes para colocar as contas em ordem e começar a guardar dinheiro.

Cinco conceitos básicos que todo investidor precisa conhecer

Você, que está interessado em começar a investir, já deve ter notado que o mercado conta com uma língua “própria”. Existem alguns conceitos que é preciso conhecer para poder se movimentar com mais segurança nesse ambiente. Conheça os principais deles:

Liquidez

Representa o nível de facilidade (ou de dificuldade) de resgatar ou de transferir um investimento. Aplicações com baixa liquidez são negociadas por menos investidores ou em prazos mais espaçados. É possível que sejam menos atrativas por conta disso. Costuma ser o caso de debêntures ou outras opções mais sofisticadas de renda fixa. Já os investimentos de alta liquidez possuem um volume elevado de operações. As ações da Vale ou da Petrobras, por exemplo, são consideradas de alta liquidez. Esse é um ponto a favor delas.

Risco

Nos investimentos, risco não é muito diferente do conceito de risco em geral. Representa a chance de alguma coisa sair diferente do esperado ou em desacordo com os interesses dos envolvidos. Na prática, é a possibilidade de que algo tenha impacto sobre os resultados das aplicações financeiras.

Retorno

É quanto o investidor ganha com uma aplicação financeira. Quando é expresso na forma de um percentual, é chamado de rentabilidade. Assim, uma rentabilidade de 10% ao ano é o mesmo que um retorno equivalente a 10% do valor inicialmente aplicado, obtido ao longo de um ano.

Diversificação

Uma estratégia de investimento muito conhecida no mercado é dividir os recursos entre diferentes produtos. Essa é uma prática voltada a redução de riscos – mas como? Tipos diferentes de investimentos costumam oscilar de forma distinta. Quando um está em queda, outros podem registrar ganhos, por exemplo. Isso ocorre porque acontecimentos que beneficiam um setor da economia, por exemplo, podem ser ruins para outro.

Pense no câmbio. O dólar valorizado é positivo para exportadores, e pode ser um estímulo para que as ações dessas empresas subam. Por outro lado, companhias que dependem de insumos importados tendem a sofrer com a mesma situação. Um investidor que tivesse apostado todas as suas fichas nessas empresas poderia ter prejuízo. Já se tivesse dividido o portfólio entre os dois tipos de negócios estaria mais protegido.

Relação entre risco e retorno

Cada investimento embute uma expectativa de retorno diferente. E qual é a razão disso? Entre outros fatores, conta a relação entre risco e retorno. De maneira geral, quanto maior for o risco de um investimento, maior é seu retorno esperado. Da mesma forma, investimentos com um risco menor tendem a apresentar um retorno esperado menor.

Compare o mercado de ações com os investimentos de renda fixa, por exemplo. É possível obter um retorno mais elevado com as ações, mas o risco dessa alternativa também é maior do que o das aplicações de renda fixa.

Tipos de investimento

Existem diversos ativos disponíveis no mercado financeiro. Cada um com caraterísticas específicas para atender os mais variados objetivos. A maioria deles são classificados como investimentos de renda fixa e renda variável.

Renda Fixa

São chamados de renda fixa os investimentos em que a forma de cálculo da remuneração é definida desde o momento da aplicação. Ao investir em um título desse tipo, o investidor na prática “empresta” dinheiro ao emissor – que pode ser o governo (se o investimento for um título público) ou empresas (caso se trate de uma debênture, por exemplo).

Sua expectativa é receber de volta, no futuro, o valor aplicado mais juros. Todas as condições são acertadas antes de o investimento acontecer.

Na renda fixa é possível encontrar as melhores opções de investimentos para iniciantes.

Saiba mais no guia completo sobre renda fixa.

Renda Variável

Os investimentos de renda variável têm retorno imprevisível no momento do investimento. A remuneração que oferecem varia conforme as condições do mercado – exatamente o oposto da renda fixa, em que o cálculo do rendimento é conhecido desde o início.

Na renda variável, não é possível ter esse nível de certeza. Quem compra ações sabe que embolsará a valorização dos papéis, mas é impossível saber de quanto será essa variação. Na verdade, não é possível nem mesmo garantir se haverá ganhos, já que os papéis podem desvalorizar no período.

Portanto, os investimentos da renda variável são mais arriscados e não costumam ser indicados para investidores iniciantes.

Saiba mais no guia completo sobre renda variável.

Passo a passo; como começar a investir

Se o papo até aqui aguçou sua vontade de investir, saiba que é preciso seguir alguns passos para começar. Abaixo listamos os cinco principais:

1. Estabeleça os seus objetivos

Por qual razão você está economizando dinheiro? Se for para trocar de carro no fim do ano, sua situação é uma. Se o objetivo for comprar um imóvel num futuro próximo, é outra. Já se seu desejo é assegurar uma aposentadoria tranquila, as especificidades são diferentes. E para cada um desses casos, existe uma maneira melhor (ou pior) de investir.

Perceba que cada um dos objetivos mencionados acima tem um prazo distinto de realização. Assim também são os investimentos necessários para cumprir cada um deles. Em geral, os investimentos são classificados em três horizontes temporais, que são:

• Investimento de curto prazo: são aqueles com uma duração de até um ano. Para esses casos, costumam ser recomendadas aplicações com liquidez diária – principalmente se você estiver falando da sua reserva de emergência. Trata-se de recursos guardados exatamente para fazer frente a imprevistos. Eles precisam estar disponíveis imediatamente, sempre.

• Investimento de médio prazo: são os que têm duração de um a cinco anos. Não há problemas em que pelo menos parte desse investimento esteja aplicada em produtos de risco moderado, com alguma volatilidade, ou que não tenham liquidez diária. Isso porque a ideia é que o investidor tenha algum tempo para que possa recorrer a essa reserva.

• Investimentos de longo prazo: são chamadas assim as aplicações com prazo superior a cinco anos. Nesse caso, se for da preferência do investidor, pode-se aplicar em ativos mais longos e com maior volatilidade, o que implica maior risco de mercado (e também maior potencial de ganho).

2. Determine o valor que vai ser investido mensalmente e ajuste o orçamento

Você talvez já tenha ouvido a recomendação de que é necessário pagar a si próprio primeiro. Se seu objetivo é investir, essa frase é mais verdadeira do que nunca. Depois de estabelecer um orçamento e contabilizar de quanto poderá dispor para aplicar em produtos financeiros, é importante considerar esse valor como um “custo” na sua planilha mensal de gastos. Separe esse valor logo que receber sua renda, e o direcione para o investimento da sua preferência.

O risco de não fazer isso, deixando para aplicar quanto sobrar na conta no fim do mês, é exatamente o de acabar não investindo nada. Os gastos de última hora costumam abocanhar parte dos valores disponíveis, faltando para o que é mais importante – a preservação do patrimônio e a multiplicação da riqueza. Por isso, pagar-se primeiro é uma necessidade real.

3. Descubra o seu perfil de investidor

Como você se sentiria se em um intervalo de poucos dias se um dos seus investimentos registrasse perdas de 5% ou 10%? Ou se precisasse de dinheiro no momento, mas esbarrasse em uma carência de algumas semanas em uma aplicação? Perderia o sono por conta do vaivém dos mercados, ou descansaria tranquilo em meio a uma crise passageira?

Fazer esse tipo de pergunta a si mesmo pode ajudar as pessoas a identificarem seu próprio perfil de investidor. Ter consciência dele é importante em vários aspectos. Em primeiro lugar, serve para guiar a escolha dos produtos financeiros mais adequados. Alguém que não suporte oscilações bruscas, por exemplo, deve entrar com cautela em mercados de risco.

Em segundo lugar, ajuda a evitar surpresas no futuro. Quem já consegue prever a própria reação diante de situações adversas nos investimentos costuma ter condições de lidar melhor com elas e evitar atitudes precipitadas – que muitas vezes acabam em prejuízo.

As próprias instituições financeiras têm por obrigação realizar um processo conhecido como suitability, que é verificar a adequação dos produtos, serviços e operações financeiras ao perfil do investidor. Na prática, significa que elas não podem oferecer investimentos sem checar se eles são adequados para cada pessoa. Devem ser considerados os objetivos, a situação financeira e o nível de conhecimento dos clientes.

Normalmente, as instituições financeiras fazem essa análise aplicando um questionário com algumas perguntas sobre os objetivos do cliente e sua tolerância a risco. Com essas respostas, precisam classificar os investidores em pelo menos três categorias diferentes, de acordo com o perfil de risco de cada um.

O mais comum é que os investidores acabem sendo classificados como conservadores, moderados ou agressivos.

• Conservadores: são investidores que têm baixa tolerância a risco e que priorizam investimentos com liquidez.

• Moderados: buscam proteger o capital no longo prazo, e costumam estar mais dispostos a investir parte dos recursos em produtos com algum nível de risco.

• Agressivos: toleram o risco e aceitam a possibilidade de ter perdas em alguns momentos, se isso representar a chance de obter maiores retornos.

Não significa que os investidores tenham um perfil estático. Afinal, objetivos, situação financeira e nível de conhecimento mudam ao longo da vida. Um investidor moderado na juventude pode se tornar conservador na velhice. Ou alguém que comece com um perfil conservador pode evoluir para um perfil agressivo conforme se habituar ao funcionamento do mercado. O importante é ter clareza da sua tolerância ao risco em cada fase, para realizar os investimentos mais adequados em cada momento.

4. Estude sobre investimentos e defina uma carteira baseada nos objetivos e perfil

Agora que você já entendeu a necessidade de estabelecer objetivos financeiros e de conhecer o próprio perfil de investidor, é hora de usar esses conceitos na prática. É com base nas suas descobertas sobre si mesmo que poderá definir quais as aplicações adequadas para seu caso. Isso é importante porque existe uma enorme variedade de produtos financeiros, e cada um deles é apropriado para uma situação específica.

Lembre-se de estabelecer uma carteira de investimentos diversificada, porque isso ajuda a mitigar os riscos das aplicações. Também é importante acompanhar as mudanças no cenário econômico e do mercado financeiro, já que elas podem ter impacto sobre suas decisões de investimentos. O rebalanceamento da carteira é uma prática que deve ser realizada com uma certa frequência – em geral, uma ou duas vezes ao ano são suficientes.

Para saber mais sobre os ativos disponíveis no mercado, acesse o nosso guia de investimentos.

5. Abra uma conta em uma corretora

Para começar a investir é necessário ter uma conta em uma corretora de valores. Elas são as instituições financeiras autorizadas a receber as ordens de compra ou de venda de ações dos clientes e executar as operações na B3 em nome deles. Mas a bolsa de valores não é a única alternativa de investimento oferecida pelas corretoras.

A variedade de produtos financeiros que as corretoras disponibilizam, aliás, é uma das principais vantagens em relação aos bancos. Como são especializadas apenas em investimentos – ao contrário dos bancos, que oferecem serviços distintos, como crédito – elas conseguem capturar no mercado e oferecer a seus clientes muitas opções, o que permite aos investidores encontrar as mais adequadas para seus próprios perfis.

Atualmente, muitas corretoras funcionam num sistema que lembra o de um “shopping center” financeiro. Significa que, além dos produtos que elas mesmas administram (fundos, por exemplo), oferecem aos clientes produtos de várias outras instituições financeiras. Pense no relacionamento que você mantém com seu banco. Se quisesse aplicar em um CDB, provavelmente só teria à disposição os papéis do próprio banco. Em uma corretora, as prateleiras estão abertas para os CDBs de vários bancos.

Outra vantagem que as corretoras costumam ter sobre os bancos está nos custos. Usualmente, as taxas cobradas pelos bancos na realização de investimentos são mais elevadas que as das corretoras. Muitas delas, aliás, já estabeleceram a isenção de algumas das tarifas mais comuns, como a taxa de custódia (que remunera as instituições pela guarda dos títulos). Fora isso, é importante lembrar que os profissionais das corretoras que orientam os investidores costumam ser bem preparados e conhecer os detalhes dos diferentes tipos de produtos financeiros, o que nem sempre acontece nos bancos.

Para investir por meio de uma corretora, comece escolhendo a que atende melhor suas expectativas. Avalie o valor das taxas de corretagem, a facilidade de uso dos sistemas de negociação, a disponibilização de relatórios e orientações sobre investimentos, entre outros aspectos. Depois disso, é preciso abrir uma conta.

Em geral, bastam alguns documentos pessoais de identificação e preencher alguns cadastros. Com a conta aberta, é possível realizar uma transferência (via TED ou DOC) e, finalmente, começar a investir.

Comece a investir agora e faça o seu dinheiro render: abra uma conta na Rico – é de graça!

CARTÃO DE CRÉDITO DE FÁCIL APROVAÇÃO PARA QUEM NÃO TEM SALÁRIO !

Se você é uma daquelas pessoas que querem aproveitar as vantagens e facilidades de fazer compras em lojas físicas ou online utilizando cartões de crédito, mas não possui salário fixo, saiba que é possível conseguir ter a sua proposta aprovada mesmo sem ser assalariado.

Alguns bancos,principalmente os digitais, utilizam critérios que vão além do comprovante de renda e isso acaba sendo vantajoso, principalmente para aquelas pessoas que não possuem carteira assinada ou holerite.

Se você se enquadra dentro desse grupo de pessoas que não possuem renda fixa mensal, separamos uma lista com 5 cartões de crédito para pessoas sem renda.

Nubank: é uma instituição financeira que não solicita comprovante de renda na de avaliar o seu pedido de crédito e o melhor é que o cartão de crédito Nubank não possui anuidade.

Ourocard Fácil: é um cartão de crédito do Banco do Brasil que não precisa de comprovante de renda, não precisa ter conta corrente no banco, sem anuidade, desde que você gaste pelo menos 100 reais por mês.

Santander free: cartão de crédito universitário, que não precisa de holerite ou carteira assinada para comprovar renda e sem anuidade se você fazer 50 reais em compra.

Inter: Cartão de crédito que não precisa comprovar renda, sem anuidade. É mais fácil conseguir que a sua proposta seja aprovada se você for correntista do banco.

Next: É outro banco digital que além de pedir comprovante renda, não cobra anuidade e tem “mimos”para osseus clientes.

Sua pontuação de crédito – um número de três dígitos que os credores usam para ajudá-los a decidir qual a probabilidade de serem reembolsados ​​em dia se lhe concederem um cartão de crédito ou empréstimo –

e vantagens de ferramentas como Experian Boost ™ † , um novo produto que permite adicionar contas de serviços públicos e celulares ao seu arquivo de crédito.

Como as pontuações de crédito são calculadas

Você provavelmente tem dezenas, senão centenas, de pontuação de crédito. Isso ocorre porque uma pontuação de crédito é calculada aplicando um algoritmo matemático às informações em um dos seus três relatórios de crédito , e não há um algoritmo uniforme empregado por todos os credores ou outras empresas financeiras para calcular as pontuações. (Alguns modelos de pontuação de crédito são muito comuns, como o ® Score * , que varia de 300 a 850.)

Porém, você não precisa se cansar de ter várias pontuações, porque os fatores que fazem suas pontuações subir ou descer em diferentes modelos de pontuação são geralmente semelhantes. “O que faz uma pontuação subir ou diminuir sempre será a mesma – depende apenas do grau”, diz Barry Paperno, especialista em crédito ao consumidor.

A maioria dos modelos de pontuação leva em consideração seu histórico de pagamentos em empréstimos e cartões de crédito, quanto de crédito rotativo você usa regularmente, há quanto tempo você tem contas abertas, os tipos de contas que você tem e com que frequência solicita um novo crédito.

Como obter sua pontuação do Score ® de graça

Entenda os motivos que ajudam ou prejudicam sua Pontuação do Score ® , incluindo seu histórico de pagamentos, quanto crédito você está usando, além de outros fatores que influenciam seu crédito geral.

Etapas para melhorar sua pontuação de crédito

  1. Obtenha crédito por efetuar pagamentos de serviços públicos e celulares a tempo

Se você está efetuando pagamentos de serviços públicos e de celular a tempo, existe uma maneira de melhorar sua pontuação de crédito considerando esses pagamentos por meio de um novo produto gratuito chamado Experian Boost.

Com esse novo produto de adesão, os consumidores podem permitir que a Experian se conecte às suas contas bancárias para identificar o histórico de pagamentos de serviços públicos e telecomunicações. Depois que um consumidor verifica os dados e confirma que deseja que sejam adicionados ao seu arquivo de crédito Experian, um ® Score atualizado será entregue em tempo real.

Visite experian.com/boost agora para se registrar. Ao se inscrever para uma associação Experian gratuita, você receberá um relatório de crédito gratuito e o ® Score imediatamente.

  1. Pagar dívidas e manter saldos baixos em cartões de crédito e outros créditos rotativos

A taxa de utilização de crédito é outro número importante nos cálculos de pontuação de crédito. É calculado adicionando todos os saldos do cartão de crédito a qualquer momento e dividindo esse valor pelo seu limite de crédito total. Por exemplo, se você normalmente cobra cerca de US $ 2.000 por mês e seu limite de crédito total em todos os seus cartões é de US $ 10.000, a taxa de utilização é de 20%.

Para descobrir sua taxa média de utilização de crédito, verifique todos os extratos de seu cartão de crédito dos últimos 12 meses. Adicione os saldos dos extratos de cada mês em todos os seus cartões e divida por 12. É a quantidade de crédito que você usa em média a cada mês.

Os credores geralmente gostam de ver índices baixos de 30% ou menos, e as pessoas com as melhores pontuações de crédito geralmente têm índices de utilização de crédito muito baixos. Uma baixa taxa de utilização de crédito informa aos credores que você não atingiu o limite máximo de seus cartões de crédito e provavelmente sabe como gerenciar bem o crédito. Você pode influenciar positivamente sua taxa de utilização de crédito:

  • Pagando dívidas e mantendo baixos os saldos dos cartões de crédito.
  • Tornar-se um usuário autorizado na conta de outra pessoa (desde que eles usem crédito com responsabilidade).
  1. Não feche cartões de crédito não utilizados

Manter os cartões de crédito não utilizados abertos – desde que não estejam custando dinheiro em taxas anuais – é uma estratégia inteligente, pois o fechamento de uma conta pode aumentar sua taxa de utilização de crédito. Possuir o mesmo valor, mas ter menos contas abertas, pode diminuir sua pontuação de crédito.

  1. Disputa quaisquer imprecisões nos seus relatórios de crédito

Você deve verificar seus relatórios de crédito em todos os três departamentos de relatórios de crédito (TransUnion, Equifax e Experian, o editor desta peça) quanto a eventuais imprecisões. Informações incorretas nos seus relatórios de crédito podem arrastar sua pontuação para baixo. Verifique se as contas listadas nos seus relatórios estão corretas. Se você encontrar erros, conteste as informações e corrija-as imediatamente.

Quanto tempo leva para reconstruir uma pontuação de crédito?

Se você tiver informações negativas em seu relatório de crédito, como pagamentos em atraso, um item de registro público (por exemplo, falência) ou muitas consultas, pague suas contas e aguarde. O tempo é seu aliado para melhorar sua pontuação de crédito. Não há solução rápida para contagens de crédito ruins.

O período de tempo necessário para reconstruir seu histórico de crédito após uma alteração negativa depende dos motivos por trás da alteração. A maioria das alterações negativas nas pontuações de crédito se deve à adição de um elemento negativo ao seu relatório de crédito, como uma conta de inadimplência ou cobrança. Esses novos elementos continuarão afetando suas pontuações de crédito até atingirem uma certa idade.

  • A inadimplência permanece no seu relatório de crédito por sete anos.
  • A maioria dos itens de registro público permanece no seu relatório de crédito por sete anos, embora algumas falências possam permanecer por 10 anos.
  • As consultas permanecem no seu relatório por dois anos.

Reconstruir seu crédito e melhorar sua pontuação de crédito leva tempo; não há atalhos. Comece a melhorar seu crédito, verificando sua pontuação do Score ® nos dados da Experian e revisando os fatores individuais que estão afetando sua pontuação de crédito. Em seguida, saiba mais sobre como obter crédito para melhorar sua pontuação. E se você precisar de ajuda com erros de crédito do seu passado, poderá aprender mais sobre reparo de crédito e como corrigi-lo .

Estabelecendo ou construindo sua pontuação de crédito

Se você simplesmente não possui uma pontuação de crédito por ter pouca experiência ou histórico de crédito, provavelmente possui um arquivo de crédito restrito . Isso significa que você tem poucas (se houver) contas de crédito listadas em seus relatórios de crédito , geralmente de um a quatro. Geralmente, um arquivo fino significa que um banco ou credor não pode calcular uma pontuação de crédito porque não há informações suficientes no histórico de crédito do usuário para fazer isso.

Há algumas ações que você pode fazer para enriquecer seu arquivo de crédito restrito , como solicitar um cartão de crédito protegido, tornar-se um usuário autorizado no cartão de crédito de outra pessoa ou contratar um empréstimo para construtores de crédito .

Confira mais dicas sobre como obter crédito aqui .

Como as alterações afetam as pontuações

Uma pergunta comum envolve entender como ações específicas afetarão uma pontuação de crédito . Por exemplo, o fechamento de duas contas rotativas melhorará sua pontuação de crédito? Embora possa parecer fácil responder a essa pergunta, há muitos fatores a serem considerados.

  • As pontuações de crédito são inteiramente baseadas nas informações encontradas no relatório de crédito de um indivíduo.
  • Qualquer alteração no relatório de crédito pode afetar a pontuação de crédito do indivíduo.

O simples fechamento de duas contas não apenas reduz o número de contas rotativas abertas, mas também diminui o valor total do crédito disponível. Isso resulta em uma taxa de utilização mais alta, também chamada de relação equilíbrio / limite (que geralmente reduz as pontuações).

Uma alteração pode afetar muitos itens em um relatório de crédito. É impossível fornecer uma avaliação completamente precisa de como uma ação específica afetará a pontuação de crédito de uma pessoa. É por isso que os fatores de risco de crédito fornecidos com sua pontuação são importantes. Eles identificam quais elementos do seu histórico de crédito estão causando maior impacto, para que você possa tomar as medidas apropriadas.

O que você talvez não saiba sobre as pontuações de crédito

A pontuação de crédito envolve cálculos complexos, e quanto mais você souber sobre como os relatórios e as pontuações de crédito funcionam, mais poderá controlar o seu próprio crédito. Além de conhecer os fatores mais importantes considerados na pontuação de crédito, pode ser útil conhecer alguns outros fatos sobre relatórios de crédito e pontuações de crédito. Esses componentes tendem a ser os mais importantes:

  • Informações negativas no seu relatório de crédito podem diminuir sua pontuação de crédito. Essas informações permanecem no seu relatório de crédito por um período definido. Por exemplo, pagamentos atrasados ​​aparecem por sete anos a partir da data em que você perdeu um pagamento. Pagar uma conta de cobrança não a removerá imediatamente do seu relatório de crédito. As falências podem permanecer no seu relatório por sete a dez anos, dependendo do tipo de falência. A boa notícia é que todas as informações negativas acabarão com o ciclo do seu relatório de crédito. Até isso, concentre-se nas coisas que você pode influenciar positivamente, incluindo o pagamento de todas as suas contas em dia.
  • Você não precisa carregar um saldo mensal do cartão de crédito para criar seu histórico de crédito. Você pode pagar suas faturas de cartão de crédito todos os meses e afetar positivamente sua situação de crédito.
  • A liquidação de contas com valores inferiores ao valor total que você deve pode prejudicar sua pontuação de crédito . Sempre que você não pagar uma dívida como você concordou originalmente, isso poderá afetar negativamente seu crédito. Dito isto, o impacto negativo da liquidação ainda é menor do que o efeito negativo de não pagar uma dívida ou declarar falência.

Uma boa pontuação de crédito pode abrir portas para você. Desde ajudá-lo a qualificar-se para as melhores taxas de juros e condições quando empresta dinheiro até influenciar o quanto você paga pelo seguro de vida, algumas podem ser portas que você nem sonhava existir. Os proprietários consideram sua pontuação de crédito quando você se inscreve no aluguel, e mesmo as empresas de telecomunicações podem ver sua pontuação antes de alugar seu próximo smartphone.

Considerando a importância da pontuação de crédito para o seu bem-estar financeiro geral, é aconselhável fazer tudo o que puder para garantir que a sua seja a melhor possível. Verificar regularmente seu relatório de crédito e sua pontuação de crédito é o primeiro passo crítico. Ao verificar sua pontuação de crédito da Experian, você verá uma lista de fatores específicos que a afetam. Focar nesses fatores primeiro é a melhor maneira de começar a melhorar sua pontuação de crédito.

Deseja aumentar instantaneamente sua pontuação de crédito? O Experian Boost ™ ajuda, concedendo crédito pelas contas de serviços públicos e celulares que você já está pagando. Até agora, esses pagamentos não impactaram positivamente sua pontuação.

Este serviço é totalmente gratuito e pode aumentar sua pontuação de crédito rapidamente , usando seu próprio histórico de pagamentos positivos. Também pode ajudar aqueles com situações de crédito ruins ou limitadas. Outros serviços, como reparo de crédito, podem custar milhares e ajudar a remover imprecisões do seu relatório de crédito.

Cartões de crédito Bradesco

Quer conhecer os cartões oferecidos pelo banco Santander? Leia este artigo que você descobrirá tudo o que você precisa saber.

Bradesco Elo Internacional

Cartão internacional, aceito para compras no débito ou crédito. Este cartão possui a mesma anuidade para o cartão principal e para o cartão adicional, essa anuidade está em 16,75 por mês.

Por ser um cartão do banco Bradesco você tem direito a descontos exclusivos como meia entrada em cinemas da rede Cinemark, além do combo Bradesco com desconto. Você ainda tem acesso ao programa Menu que está ligado aos melhores restaurantes do país.

Bradesco Mastercard Gold

Você paga por mês R$31,00 de anuidade e se fizer cartões adicionais, você paga metade desse valor.

Participa do Programa Livelo, sendo que para cada dólar que você gastar, você ganha 1 ponto que tem validade de 2 anos.

Consegue meia entrada nos cinemas da rede Cinemark e Teatro Bradesco.

Possui proteção de preço, assistência veículos, proteção de preço e muito mais.

Bradesco Visa Infinite

Para conseguir este cartão você precisa ter renda mínima de R$20.000,00. Paga 81,25 de anuidade por mês. E os cartões adicionais pagam metade desse valor.

Participa do Programa de Fidelidade Bradesco Cartões e Livelo. Para cada dólar que você gastar ou o seu equivalente em reais você irá ganhar 2 pontos.

Sem falar nos descontos de 50% na entrada dos cinemas da rede Cinemark e Teatro Bradesco. Tem direito a vantagens oferecidas pela Visa como Salas Vip, Concierge, Chip Viagem, entre outras.

Bradesco Elo Nanquim Diners Club

Para ter esse cartão você precisa ter uma renda de pelo menos R$20.000,00. A anuidade que é paga por mês é de R$100,00. Pode ser usado para compras em todo território nacional ou internacional.

Pontua 2,2 pontos nas compras feitas no Brasil e 3,3 para as compras em outros países. Tem direitos aos descontos de 50% na rede de cinema Cinemark e Teatro Bradesco.

Sem falar nas outras vantagens como Salas Vips, Chip de Viagem Internacional, entre outros.

Bradesco Elo Universitário

Indicado para universitário com renda de pelo menos um salário mínimo. A anuidade paga todo mês é de 12,25 tanto para o cartão titular como para possíveis adicionais.

Com esse cartão você consegue desconto de meia entrada no Cinemark e no Teatro Bradesco.

cartão de crédito

Os fornecedores de cartão de crédito, como Visa ou Mastercard, trabalham em estreita colaboração com os bancos, para que você, como cliente do banco, não receba o cartão do próprio fornecedor, mas diretamente do banco. Em muitos bancos, o cartão de crédito da conta corrente clássica está disponível até hoje automaticamente. É surpreendente que os bancos diretos, em particular, geralmente ofereçam essa combinação. Em comparação, os bancos das agências costumam oferecer contas correntes e cartões de crédito como produtos separados. Mas o que você deve considerar como consumidor no que diz respeito ao cartão de crédito da conta atual? Primeiro de tudo, as vantagens de uma conta corrente com cartão de crédito:

  • Tudo à vista: Com um cartão de crédito, você pode fazer pagamentos sem dinheiro em vários pontos de aceitação em todo o mundo. Quando você usa o cartão de crédito que recebe com sua conta corrente, sempre tem uma visão geral de suas finanças. Como regra, você pode ver os pagamentos com cartão de crédito ao lado do saldo da sua conta atual e comparar imediatamente se a sua conta corrente cobre essas despesas.
  • Facilidade: Você costuma obter o cartão de crédito automaticamente com a conta atual. Abrir uma conta atual com cartão de crédito, portanto, não custa mais do que abrir uma conta atual sem cartão de crédito.
  • Simplesmente salvo: Para um contrato de cartão de crédito que foi concluído independentemente da conta corrente, geralmente há taxas anuais fixas. As taxas do cartão de crédito diferem significativamente, dependendo do provedor. Agradável: o cartão de crédito da conta corrente geralmente é oferecido sem custos e taxas adicionais.
  • O uso é voluntário: Mesmo que você receba automaticamente um cartão de crédito com sua conta corrente, é claro que você decide se deseja pagar com ele ou não. Você pode continuar usando o girocard (cartão de débito) para pagamentos diários na loja.

Cartão de crédito independentemente da conta corrente

Qual é a diferença para um cartão que é independente da conta atual? Basicamente, as diferenças não são grandes. A escolha certa para você depende inteiramente de suas necessidades pessoais. As principais diferenças são as seguintes:

Conta de cartão de crédito separada

Independentemente de o cartão de crédito ter sido emitido com a conta atual ou uma conta separada, os pagamentos são registrados pelo provedor em uma conta separada do cartão de crédito e debitados da sua conta atual no horário contratualmente acordado. Como cliente do cartão, você mesmo determina qual conta é debitada. A rotatividade com um cartão de crédito oferecido à conta atual, no entanto, é automaticamente debitada nessa conta atual.

Visão geral dupla

Você pode escolher em qual conta atual seu cartão de crédito independente é debitado, o que pode ser uma vantagem, mas, por outro lado, é necessário manter uma visão geral de suas despesas. Você não vê imediatamente as despesas com um cartão de crédito independente na visão geral da conta atual, é necessário obter uma visão geral de duas maneiras.

Quem tem a escolha …

Se você deseja um cartão de crédito independente da sua conta corrente, possui uma grande variedade de cartões diferentes. Você pode escolher entre ofertas com uma ampla gama de serviços adicionais: seguro de viagem, programas de bônus, acesso ao saguão do aeroporto – quanto maior o escopo dos serviços, maiores as taxas anuais. Ao comparar as ofertas, verifique quais serviços adicionais você realmente precisa e se isso também está incluído em uma variante de uma conta corrente.

Pagamento sem contato

Hoje, muitos cartões de crédito estão equipados com a tecnologia para pagamento sem contato. E isso é imbatível no que diz respeito à velocidade: basta você segurar o cartão no terminal e pronto. Em pequenas quantidades, muitas vezes nem é necessário inserir o PIN.

Pagar e sacar dinheiro no exterior

Com o girocard (cartão de débito), você pode facilmente pagar e sacar dinheiro na Brasil e na UE. Fora da UE, no entanto, as coisas parecem diferentes: o cartão de crédito é mais aceito aqui. No entanto, existem diferenças nos custos – portanto, ao concluir um contrato com cartão de crédito, preste atenção aos custos de retirada de dinheiro no exterior e pagamento em moeda estrangeira.

Alta segurança

Cartões de crédito, como outros cartões, podem ser bloqueados de maneira rápida e fácil. Depois disso, um cartão de crédito roubado é inútil. No entanto, caso ocorra um débito, sua responsabilidade é limitada por lei a 50 reais. É importante observar as regras de segurança para descartar comportamentos negligentes. Aqui está um exemplo: nunca anote o PIN no cartão ou junto com ele e relate uma perda imediatamente.

A propósito: algoritmos de segurança modernos podem até detectar e rejeitar automaticamente transações de pagamento ilegais em alguns casos – por exemplo, se você costuma usar o cartão de crédito apenas para reabastecer e no supermercado, mas de repente um pagamento alto deve ser feito em uma joalheria estrangeira.

É possível fazer uma distinção entre esses 4 tipos de cartão de crédito

  1. cartão de crédito pré-pago
  2. cartão de crédito de débito
  3. cartão de crédito carga
  4. cartão de crédito rotativo

O cartão de crédito pré-pago desempenha um papel subordinado na combinação de cartão de crédito e conta corrente; deve ser pré-pago com crédito. O cartão de crédito de débito também não oferece uma função de crédito clássica, porque, em vez de uma conta de cartão de crédito separada, a conta atual é debitada imediatamente.

Na Brasil, o tipo mais comum de cobrança com cartão de crédito é combinado com uma conta corrente. Como cliente, você receberá uma conta de cartão de crédito, na qual poderá debitar até um determinado valor, dependendo da sua classificação de crédito . Após um período especificado, o valor negativo será apurado na conta corrente sem incorrer em custos adicionais para você. Os juros são acumulados se o dinheiro na conta corrente não for suficiente para liquidar o cartão de crédito. O cheque especial deve ser tolerado ou concedido.

Com o chamado cartão de crédito rotativo, o crédito do cartão também pode ser liquidado em parcelas; os juros são cobrados pelo pagamento parcelado.

Cartão EC, girocard e cartão de crédito – uma comparação

Na vida cotidiana, não apenas o dinheiro desempenha um papel, mas também vários cartões de pagamento. Informaremos as diferenças e semelhanças entre cartão EC, girocard e cartão de crédito.

O que é um cartão EC?

O cartão da CE não existe oficialmente desde 2007. No entanto, o nome permaneceu o mesmo. Isso se deve ao fato de o procedimento anterior de “dinheiro eletrônico” (EC, abreviado) ser o sistema de cartão de débito do setor bancário alemão até 2007. Todos os cartões bancários emitidos até 2007 foram oficialmente chamados de cartões EC. A abreviação EC originalmente significa Realcheque, mas a abreviação de caixa eletrônico foi estabelecida na Brasil. O fato de o sistema ter sido comercializado intensivamente pelo setor bancário alemão, em cooperação com todos os bancos alemães, tornou o cartão EC muito importante na Brasil. Era um cartão bancário clássico que simplesmente não desapareceu do mercado posteriormente. Para muitos consumidores, despercebidos, o nome simplesmente mudou. Em 2007, o setor bancário alemão fundiu seus dois sistemas, caixa eletrônico (pagamento com cartão de débito e PIN) e o sistema alemão de caixa eletrônico (saques em caixas eletrônicos) e renomeou-o para girocard.

cartão de crédito?

O cartão de crédito difere fundamentalmente do girocard e do cartão EC. Estes últimos são os chamados cartões de débito. O cartão de crédito, por outro lado, é um cartão com o qual o cliente recebe um empréstimo do banco. Especificamente, isso geralmente é projetado como uma linha de crédito. Na Brasil, é comum que os titulares de cartão de crédito tenham um empréstimo gratuito (linha de crédito) por um mês. Todos os pagamentos são coletados na conta do cartão de crédito e debitados de uma conta de referência em um horário especificado. Em outros países, os cartões de crédito também têm empréstimos sem juros significativamente mais longos. Às vezes, os pagamentos são cobrados por até um ano. A estrutura de disposição respectiva geralmente é baseada no salário e geralmente corresponde à soma de uma a cinco vezes o salário líquido para pessoas físicas. Os cartões de crédito diferem dos cartões de débito em outras áreas além da funcionalidade básica.

Não há limite para apenas um cartão

Os dois tipos de cartões também combinam que oficialmente não há limite máximo no número de cartões. Basicamente, você pode apostar em quantas cartas quiser. Por exemplo, você pode obter três cartões de verificação com três contas correntes. Se você escolher vários cartões de crédito diferentes, poderá tê-los todos na sua carteira. No entanto, observe que Schufa pode desempenhar um papel no aplicativo. Em contas correntes Schufa poderia ser devido à facilidade de crédito, fazer problemas com cartões de crédito porque o limite de crédito. Portanto, lembre-se de que um número excessivo de cartões de crédito e cartões de crédito pode fazer com que sua classificação de crédito sofra.

Alta segurança ao pagar

O cartão de crédito e o girocard também unem o alto nível de segurança em que você pode confiar ao efetuar um pagamento. O número de crimes envolvendo cartões de pagamento vem caindo há anos. Isso também se deve a tecnologias modernas, como o chip EMC, que possuem cartões de crédito e cartões bancários na Brasil. Portanto, você pode contar com um nível de segurança semelhante ao pagar. Isso também se aplica a saques em caixas eletrônicos. Basicamente, não importa se você usa um cartão de crédito ou um girocard para pagamentos ou saques, a segurança não deve ser um problema para nenhum dos cartões. No entanto, o cartão de crédito é parcialmente considerado ainda mais seguro, porque os bancos são mais generosos em caso de danos do que os cartões atuais. Há uma diferença crucial entre os tipos de cartões no chamado ônus da prova. Com o girocard, isso é com o consumidor, com o cartão de crédito no banco. Consequentemente, você geralmente precisa se preocupar muito menos com o uso indevido de um cartão de crédito.

Tipo de pagamento nas lojas

Você dificilmente pode dizer a diferença entre o girocard e o cartão de crédito ao pagar em uma loja. Normalmente, você insere os dois tipos de cartão no leitor e insere um PIN. O pagamento será verificado automaticamente e você receberá seu recibo. No entanto, existem pequenas diferenças. É um pouco mais frequente que você precise legitimar um pagamento com um cartão de crédito assinado em vez de um PIN. No entanto, isso também pode acontecer quando você paga com um girocard. Isso se aplica, por exemplo, quando o chamado débito direto eletrônico é usado. Também existem diferenças ao usar a moderna tecnologia de pagamento NFC .

São Várias Ofertas Em 2020 De Cartões De Crédito Qual Escolher Credicard Zero, Nubank Ou Santander Free

Desde que as empresas fintechs dominaram o Brasil, os cartões de crédito digital não foram conquistados brasileiros. Seja para economizar em gastos desnecessários, como pagar taxas e anuidades, além da conveniência de ter um gerenciamento completo pelo meio do aplicativo. O Nubank é sem dúvida uma das melhores cartas do momento, embora seja difícil de aprovar. No entanto, existem outras opções de cartão de crédito digital. Então, aqui neste artigo, confira uma comparação entre três deles: Credicard Zero, Nubank ou Santander Free. Afinal, qual é o melhor para você e qual escolher em 2020?

Cartão de Crédito Credicard Zero

O cartão de crédito digital Credicard Zero foi lançado pelo Itaú Unibanco para concorrer com o Nubank. O cartão está livre de anuidade, assim como seu concorrente. É internacional, sob a marca MasterCard, e possui alguns benefícios muito interessantes, como descontos no Decolar.com, viagens no Uber e muito mais.

Para solicitar seu cartão, você não precisa provar uma renda mínima, pode solicitar um cartão adicional e o limite geralmente começa no mínimo de US $ 1.000.

O cartão de crédito digital Credicard Zero pode ser gerenciado através do aplicativo Credicard – Control Your Card ‘no seu celular. Além disso, o aplicativo possui uma classificação alta na Apple Store e na Play Store, com notas de mídia de 4 em uma escala de até 5.

Cartão de crédito digital Nubank

O cartão de crédito digital Nubank é o pioneiro entre as não-anuidades e um dos mais consultados no Brasil. Roxinho tem vários Nulovers espalhados aqui no país, e atualmente possui até uma comunidade própria. O cartão Nubank é da marca MasterCard, é internacional e oferece muitas vantagens para seus usuários.

Uma das maiores vantagens é a sua aplicação extremamente funcional, em que você pode gerenciar tudo. O cartão possui uma conta digital, se você ativar, oferece ainda mais benefícios. Por exemplo, uma função de débito pode pagar e gerar boletos, criar TEDs gratuitos e ilimitados e muito mais.

Além disso, o roxo não requer renda mínima, possui um programa de pontos, o Nubank Rewards, que é opcional e custa US $ 190, mas que aumenta muitas vantagens, como pontos detalhados que não expiram e excluem suas compras.

Cartão de crédito gratuito Santander

O cartão de crédito digital Santander Free foi lançado pelo Banco Santander, também concorrendo com o Nubank. No entanto, não é um cartão completamente de anuidade. Para qualificar para a manutenção anual, você precisa gastar menos de US $ 100 por mês, caso contrário, desembolsar 12 x US $ 29. É internacional e está sob a bandeira Mastercard.

O cartão pode ser comprado por titulares de contas bancárias e não bancárias. É necessária uma renda mínima de R $ 954 e o cliente participa do programa de pontos Sphere.

Afinal, qual é o melhor?

Primeiro, todos os cartões são semelhantes entre si, todos sob a marca MasterCard, são internacionais e usam um programa de recompensas.

Na minha opinião, o Nubank vence três cartas, considerando vários aspectos. Principalmente, o Nubank não precisa ter uma taxa mínima para se livrar da anuidade como seus concorrentes. Além disso, o Nubank oferece várias vantagens, como:

  • A possibilidade de antecipar parcelas com cartão de crédito com desconto;
  • Tem um aplicativo melhor;
  • Oferecer excelente serviço através de bate-papo em tempo real com bate-papo descontraído;
  • Ofereça NuConta, com renda acima da economia.

No entanto, o Nubank também possui várias recuperações sobre a dificuldade de passar na análise de crédito e a dificuldade de aumentar o limite de crédito. Há pouco tempo, muitos clientes reclamam da liberação do limite de crédito de apenas US $ 50, ou que não é o caso de outros candidatos.

Veredito

Se você procura um cartão de crédito sem anuidade e não se preocupa com o aumento de milhas em dinheiro ou cartão de crédito, qualquer um dos três cartões pode ser interessante, mas o Nubank é a melhor opção para você. que têm renda baixa e média.

No entanto, se você tiver dificuldades em obter o Nubank, ou se o limite de crédito não for suficiente, tente o Credicard ZERO e o Santander Free, que geralmente são mais fáceis de aprovar e mais generosos na concessão de limites. ?

Como economizar dinheiro todos os dias

É preciso pouco para salvar e viver bem com menos

Para entender como economizar dinheiro todos os dias e gerenciar um orçamento, você deve começar com a regra principal: não gaste mais do que ganha .

Então, primeiro, você precisa ter uma idéia clara de quanto você ganha e o que gasta. Anote os impostos que você tem que pagar, os custos fixos de eletricidade, gás, hipoteca e a parcela do carro. Em resumo, preencha todas as despesas que você dificilmente pode prescindir ou que já tenha assumido o compromisso.

Ao adicionar esses custos fixos e subtrair o que você ganha, você obtém o valor que resta para todo o resto: de comida, gasolina a ingressos de cinema. Alimentos e gasolina também são coisas absolutamente necessárias, mas aqui você pode escolher o que comprar. Essa é a parte do seu orçamento em que você pode agir ao fazer escolhas. Se a soma dos dois tipos de despesas exceder o que você ganha, isso significa que você tem um problema e precisa remediar a situação.

Ganhe dinheiro ou economize?

Comprar coisas que você não pode pagar não é uma escolha. Existem apenas duas maneiras possíveis: ganhar mais ou economizar dinheiro todos os dias .

Não subestime a ideia de ganhar mais dinheiro. Se suas limitações econômicas não são devidas à má administração de suas finanças, mas a uma real limitação, encontrar maneiras de ganhar mais é a melhor solução. Se, por outro lado, você não estiver gerenciando suas finanças corretamente, ganhar mais realmente não resolverá o problema.

Raciocinar sobre economia e seu orçamento geralmente é entediante, ninguém gosta de ter que lembrar continuamente que a disponibilidade financeira não é ilimitada, mas é nossa responsabilidade.

Como economizar dinheiro em tudo

O ideal seria ser capaz de colocar algo de lado em cada coisinha, a fim de sempre salvar algo para ser reinvestido ou deixado de lado em emergências.

Geralmente, é recomendável reservar uma porcentagem de 20% do que você ganha, mas mesmo que isso seja possível, o importante é que você nunca gaste mais do que ganha.

Gastar menos pode parecer difícil, mas muitas vezes pensamos que certas coisas são necessárias quando, em vez disso, são um luxo. Considere estas categorias:

  • Televisão por satélite, assinaturas, serviços telefônicos e celulares. Tente contar o que você gasta mensalmente nessas coisas e, em seguida, lembre-se localmente de quanto esses serviços realmente o atendem.
  • Bens alimentares. O preço dos alimentos está subindo, no entanto, é possível comer corretamente sem gastar loucuras.
  • Faça uma lista de compras e não fique tentado pelos extras. Você pode ajudar seus filhos a escrevê-lo, então é menos provável que implorem para você comprar extras que não estão na lista.
  • Coloque frutas e legumes da estação no cardápio da casa.
  • Traga o que você deixou na noite anterior para o almoço.
  • Evite pré-embalado, pré-cozido e servido em embalagens individuais. Isso também inclui salgadinhos e salgadinhos.
  • Compre produtos genéricos de boa qualidade sem olhar para a marca.
  • Use cupons de desconto, mas apenas para comprar o que você realmente precisa. Comprar coisas que você não precisa, embora a um preço mais baixo, não está economizando.

Economizando sem desistir da diversão

Calcule quanto gasta em pizzarias e bares. Uma maneira de reduzir as despesas do restaurante sem abrir mão de muita coisa é beber água em vez de álcool e pular a sobremesa.

A categoria “entretenimento” está cheia de muitas coisas agradáveis, mas ” as melhores coisas da vida são gratuitas “. Abrace esse conceito. Você não precisa pagar para se divertir e ter uma boa noite. Mantenha a mente local do que você pode fazer sem gastar, por exemplo, andando por aí conversando, andando de bicicleta ou jogando jogos de tabuleiro. Você pode organizar uma noite de cinema e jogos de cartas em sua casa. Uma garrafa de coca-cola e pipoca será suficiente.

Natal, Páscoa, Dia dos Namorados, aniversários, são ocasiões festivas em que tendemos a gastar mais. O ditado de que os melhores presentes não são comprados em uma loja é absolutamente verdadeiro. Use a inteligência e sua sensibilidade. Alguns presentes custam praticamente nada em termos de dinheiro, mas para a outra pessoa eles terão um valor muito maior do que um Swarovski em uma prateleira na sala de estar. Por exemplo, você pode oferecer algo para outras pessoas, como montar uma peça de mobiliário, pintar uma imagem ou cuidar de crianças. Ou você pode imprimir uma foto especial para lembrar os bons tempos. Você pode enfatizar o valor pessoal de um presente que tem pouco valor econômico, escrevendo um ticket no qual permite que a outra pessoa saiba o quanto é importante. As pessoas gostam de ser apreciadas e, depois de um elogio e sincero agradecimento,

Frugalidade não significa renúncia

Viver de uma maneira frugal e gastar menos tem mais a ver com sua maneira de pensar do que com seu dinheiro.

Não compre nada sem pensar nisso, mesmo com um grande desconto. Quando você quiser comprar algo, durma primeiro e, se ainda quiser comprá-lo, pesquise na Internet se puder encontrá-lo por um preço mais baixo, pesquise em outras lojas da região e não gaste mais do que o necessário.

Fique longe de shoppings e lojas online. Vá comprar o que precisa, quando precisar e não compre mais nada .

Cuide do que você tem, para que dure mais tempo. É justo entrar em um vício, no entanto, alguns vícios podem cavar buracos enormes na carteira. A chave é moderação.

Determine quanto você pode gastar mais a cada mês e permanecer dentro desse orçamento. Enquanto permanecer no orçamento, trate-se de vez em quando. A vida não é apenas desistir.

Saiba Como Você Também Poderá Obter Seu Cartão De Crédito Nubank Platinum Em 2020

O Nubank, como sabemos, é uma maior empresa de tecnologia do Brasil e pode oferecer serviços sem burocracia, 100% online e gratuito, atendimento humanizado e praticidade ao usuário. Foi assim que conquistou milhões de clientes no Brasil, sendo cobiçado por muitas pessoas.

Cartão de crédito Nubank Platinum

Além do seu cartão de crédito Gold, a fintech também oferece o Nubank Platinum, destinado a clientes que costumam viajar. Este cartão pode, portanto, trazer vários benefícios para os usuários.

Com ele, é possível antecipar seu check-in, usar salários vips nos aeroportos, além de ajudar com o horário dos seus programas de viagem, entre outros benefícios. Além disso, essa modalidade permanece sem anuidade.

Benefícios

  • Escolha de destinos de viagem;
  • Ajuda na escolha dos melhores passeios turísticos;
  • Auxiliar na escolha do melhor hotel de acordo com o perfil de cada cliente;
  • Seguro para emergências médicas em viagens ao exterior;
  • Salas VIP em aeroportos selecionados;
  • Possibilidade de check-in antecipado;
  • Ferramenta Mastercard Platinum Concierge.

Como obter o cartão de crédito Nubank Platinum?

Infelizmente, o Nubank Platinum não está disponível para todos os clientes da fintech. Está disponível diretamente no Nubank e você pode verificar no aplicativo se ele estiver disponível para você.

Portanto, o banco digital faz uma análise das informações de consumo do cliente. Ou seja, se o cliente gasta a maior parte de suas despesas de viagem, ele pode receber o cartão Platinum.

Outra maneira de obter o Nubank Platinum é ganhar pontos no Nubank Rewards.

Você também pode obter o Nubank Platinum através do programa de pontos Nubank Rewards. Portanto, você deve obter 3.000 pontos para se qualificar para o cartão Platinum.

Como pontos acumulados?

Para ganhar pontos, basta gastar com o cartão e, para cada US $ 1,00 gasto, você acumula 1 ponto. Com esses pontos acumulados, use-os para “apagar” ou extrair o seu cartão.

Para participar do Nubank Rewards, você deve se inscrever e pagar uma taxa mensal de US $ 19,90 por mês. Mas ou Nubank oferece uma avaliação de 30 dias, se você estiver interessado.

Para entender como realmente economizar dinheiro, é necessário partir de uma maneira estrutural e sustentável, partindo do pressuposto de que não podemos raciocinar apenas em termos de renúncias .

Para obter resultados concretos, é essencial fazer hierarquias para distinguir o que importa e faz sentido, do que é secundário e apenas funcional para a nossa sobrevivência.

Quando você identifica pelo que é apaixonado, faz você se sentir bem e agrega um valor real a você; você pode gastar livremente o que acha mais apropriado (deixando de lado os que o julgam).

No ano passado, gastei 1.200 reais comprando livros na Amazon e em cursos de treinamento … embora minha esposa continue tentando me convencer (em vão) a ir à oviesse para pegar um novo pijama!

Nunca é um problema de preço … é sempre uma questão de valor!

Concentre-se no que você pode controlar e esqueça o resto

No ano passado, houve deduções fiscais para até 36 crianças dependentes. Você também pode fazer o download do cartão de assinatura do filme e passar a receita de cardioaspirina do avô como suas “contas médicas”.

Então este ano tudo mudou e você não pode mais fazer isso.

Amém! Isso significa que você se concentrará em outra coisa, talvez sob seu controle, para obter economias estruturais e sustentadas.

Confiar em coisas incertas, fora de seu controle e que podem mudar rapidamente é um risco e um desperdício excessivo de tempo e energia (eis a regra de Pareto).

Ah, lembre-se que o julgamento dos outros também é algo que você não pode controlar …

Deixe os orçamentos em paz, eles são inúteis

Na minha vida, fiz um orçamento duas vezes, mais que o necessário .

A primeira foi quando eu era mais jovem e pensei que era a solução para todos os meus males (sim, eu estava seguindo o conselho de algum guru da má sorte).

Eu também consegui durar alguns meses … então desisti

Minha mente estava sempre focada em pensar quanto eu estava gastando, se estivesse dentro do meu orçamento, se pudesse pagar, se tivesse que desistir, até que, por medo, desisti de fazer a compra.

Em suma, uma vitaccia.

A segunda vez foi quando entendi como economizar seriamente, sem frescuras e sem ter a mentalidade de renúncia constante.

Verifiquei minhas despesas SOMENTE UMA VEZ , as corrigi , as otimizei e depois automatizei o processo de gerenciamento do meu dinheiro.

Desde então, tudo o que faço é verificar de vez em quando (uma ou duas vezes por ano) se meu sistema funciona conforme eu o configurei.

Sem mais estresse, sem mais esforço, sem mais pensamentos e sem mais culpa.

Agora , penso em macro-categorias e quando quero comprar algo, sempre sei se posso pagar e não tenho problemas para fazer uma compra direcionada ou impulsiva.

Não julgue os outros e se concentre em você

Sim, eu sei, a tentação de observar o que os outros estão fazendo é forte.

É um impulso descontrolado que inicia automaticamente e tenta fazer comparações com as pessoas à nossa volta, para o bem ou para o mal.

Afinal, somos todos seres humanos …

Com o tempo, aprendi que as pessoas nunca dizem como as coisas realmente são e como gastam seu dinheiro.

O dinheiro é um assunto tabu e quase parece que as pessoas ficam sujas falando sobre como é gasto.

A inveja e o julgamento dos outros estão sempre ao virar da esquina, então você ignora o tópico, faz um sorriso circunstancial e pensa secretamente ” oh bem, chore muita miséria e depois me gaste X reais (quantia exorbitante) por essa coisa aí … “.

Problema: por mais verdadeiro que seja, esse tipo de pensamento não leva a lugar algum .

Não sei se você os possui, mas seu objetivo deve ser o foco em suas despesas, sua renda, seu dinheiro e suas economias.

Lembrei que as pessoas descaradamente mentem sobre usar seu dinheiro.

Eles lhe dirão que estão na conta, quando talvez tenham uma renda extra que você não sabe que existe.

Ou eles mostrarão uma compra muito cara para mostrar que eles podem gastar e gastar como se não houvesse amanhã, quando talvez estejam na conta e possuam um saldo no cartão de crédito assustador.

Aprendi a confiar nos justos do que eles me dizem sobre esse assunto.

E, francamente, tudo bem.

Estou interessado no que faço e em como obter resultados concretos e sustentáveis.

Os outros fizeram o que queriam .

COMO POUPAR DINHEIRO OBRIGADO POR AÇÕES CONCRETAS E DIRECIONADAS

Aqui estamos finalmente nas ações concretas a serem implementadas para aprender como economizar constantemente e de forma sustentável ao longo do tempo.

Corte coisas desnecessárias sem culpa

O primeiro passo é obviamente cortar todo o supérfluo.

Nesse caso, eles não são feitos prisioneiros .

Se você já fez seu ranking de prioridades, não será um problema ver as partes podres e improdutivas da planta.

O truque é não pensar muito nisso … apenas aja!

Corte imediatamente uma assinatura ou despesa que você normalmente faz, mas pode ficar sem.

Assim como o ramo doente, ele deve ser cortado de maneira limpa antes de infectar toda a planta.

Este é o único momento em que podemos tirar proveito de alguns conselhos no estilo guru (os úteis …).

E então passe rapidamente para o próximo passo.

REGRA 8: Otimize as despesas necessárias aprendendo a negociar

Otimizar despesas é algo de enorme satisfação.

O motivo é que finalmente ele atende às necessidades de sua mente, que são para ver mais recursos que você pode usar para despesas valiosas.

Você pode começar pelas coisas básicas que provavelmente já conhece, como compras gerais de produtos do cotidiano (deixando as marcas em paz), até fazer as comparações certas antes de fazer uma compra.

Mas isso não termina aí.

A parte mais interessante e lucrativa de otimizar suas saídas é a negociação .

Aqui, otimizar significa raciocinar para encontrar os bolsos de ineficiência (e sempre existem) e depois atacá-los e reduzi-los, graças ao poder da negociação.

Vou lhe contar um segredo: todas as várias empresas de telefonia, empresas que gerenciam eletricidade, abastecimento de água ou mesmo seu banco, gastam muito dinheiro para adquiri-lo como cliente (publicidade, comercial, atendimento ao cliente etc …).

Isso significa que, se você decidir partir, para eles é um custo duplo que eles terão que suportar, o primeiro quando o adquirirem e o segundo para tentar trazê-lo de volta ou substituí-lo por outra pessoa.

Portanto, a verdade é que você tem uma grande alavanca que pode usar a seu favor para negociar melhores condições.

Claramente, entre no banco e diga ” Quero pagar menos comissionados! 1 !! 11 !! ”Não trará resultados concretos (compartilhar?).

O objetivo é negociar corretamente, fazendo com que a outra parte perceba o valor que você representa para eles como cliente .

Portanto, essa ação funciona melhor se você já é cliente há algum tempo e se apresenta um bom desempenho em média, pagando regularmente e evitando controvérsias desnecessárias.

Se você deseja aconselhamento sobre como configurar uma negociação adequadamente, preparei um texto para negociar taxas bancárias (mas também pode ser usado para outros tipos de negociação).

Você pode baixar o texto clicando aqui

Gere mais receita e aumente suas economias

E aqui um abismo se abre em um mundo que parecia fechado, rígido e concentrado apenas e exclusivamente do lado das saídas.

Antes de começar a assustá-lo com a idéia de que é impossível aumentar sua renda, gostaria de fazer um raciocínio sério e equilibrado com você .

Existem várias maneiras de aumentar o lado da receita.

Você pode vender bens de propriedade, pode fazer trabalhos ímpares e pode até pensar em criar um pequeno ” segundo trabalho ” para finalizar.

Cada passo dessa escada corresponde a um grau e nível diferentes de dificuldade e comprometimento.

Piores Erros No Uso Do Cartão De Crédito

O cartão de crédito é algo que você precisa ter cuidado para usar, não é só ter e sair comprando. Principalmente se você é uma pessoa descontrolada e se você não consegue se aguentar quando vê algo que quer comprar.

Saiba quais são os piores erros no uso do cartão de crédito e saiba como você pode se organizar para não gastar mais do que você realmente pode gastar.

Achar que cartão é renda extra

O pior erro das pessoas é pensar que o cartão de crédito é uma espécie de renda extra. Esse cartão vai precisar entrar no seu orçamento e você vai precisar conseguir pagar ele todo mês. Portanto não é como se tivesse entrando um dinheiro a mais. Pelo contrário, ele é um custo que precisa ser pago mensalmente.

Entenda que o cartão de crédito é um método de facilitar as suas compras. Ele pode te ajudar a comprar algo em uma emergência ou você pode usar os benefícios do programa de pontos. Mas em momento algum você deve acreditar que o cartão de crédito é uma renda extra que você pode gastar.

Pagar parcela mínima

O pagamento mínimo do cartão de crédito existe para uma emergência. Na verdade, ele pode te colocar na pior cilada da sua vida financeira, que é acumular o restante da parcela e precisar pagar juros altíssimos. Portanto o pagamento mínimo do cartão não é seu amigo.

Faça o possível para não usar esse recurso e só use se for extremamente importante para conseguir lidar com as suas dívidas. Caso contrário dê um passo atrás e repense as suas compras no cartão de crédito e se você realmente está comprando da melhor forma possível ou se perdeu o controle do cartão de crédito.

Não saber quanto gasta

Não saber quanto você está gastando no cartão de crédito é um dos piores erros de qualquer pessoa. Se você tem cartão de crédito não pode deixar esse controle sair da sua mão. O que seria um recurso para te ajudar vai acabar se tornando a sua pior ruína. Então pare e respire, faça as contas e pegue todas as suas últimas faturas e avalie o que você está gastando.

Com o que você está comprando e se essas compras estão fazendo sentido ou se são luxos desnecessários que estão te levando para o buraco.

Não saber quais são os juros do seu cartão

A pessoa começa a usar o cartão de forma desenfreada. Acreditando que vai conseguir pagar, então ela não consegue pagar por não ter avaliado quanto estava gastando e se era mesmo necessário.

Aí essa pessoa atrasa uma parcela e então ela se vê presa aos juros do cartão de crédito. Acontece que ela cometeu o erro de não saber quais são os juros do seu cartão de crédito e aí tudo vira uma bola de neve de dívidas e seu nome acaba sujo. Portanto saiba quanto são os seus juros para evitar um problema desse.

Cartões de crédito e fraudes na web: como evitá-los e o que fazer se isso acontecer

Ao fazer uma compra na web, há sempre um pouco de medo : e se a transação não fosse tão segura quanto parece?

É claro que é preciso considerar a incidência cada vez mais predominante do comércio on-line em comparação com o tradicional, graças a grandes serviços, como Amazon ou eBay, que vendem quase todos os objetos e os trazem diretamente para casa, sem mencionar o uso de smartphones e tablets (que talvez sejam deixados por aí sem ter se desconectado) para fazer compras, mas seria um erro atribuir apenas o tráfego crescente ao aumento de golpes. À medida que as tecnologias usadas pelos invasores se tornam mais sofisticadas, mesmo os usuários mais experientes correm o risco de ser roubados dinheiro de sua conta corrente em um piscar de olhos.

Como se proteger

Existem algumas medidas simples de segurança que podem ser seguidas para minimizar o risco de fraude.

  • É óbvio, mas nem sempre cuidadoso: faça pagamentos on-line apenas em sites seguros , que você pode reconhecer pelo protocolo https na janela com o endereço do seu navegador. Na maioria dos navegadores, também há um ícone de cadeado .
  • Se você possui um cartão de crédito recarregável , como os que a maioria das contas bancárias on-line disponibiliza hoje, use o cartão em vez do cartão de crédito clássico, carregando-o com o valor necessário para cada transação. Cuidado com os custos de recarga, que quase sempre são zero, mas às vezes podem chegar a alguns centavos e, no caso de compras frequentes, podem se tornar bastante caros: uma visita ao nosso comparador removerá todas as dúvidas.
  • Altere suas senhas com frequência e escolha pouco óbvio (datas de nascimento proibidas, nomes de parentes, endereços e tudo o que um fraudador com um mínimo de imaginação pode deduzir de seus dados). Use diferentes para cada serviço.
  • Sempre mantenha seus dados pessoais com cuidado .
  • Evite cair em esquemas de e- mail e phishing . Até agora, todos somos especialistas o suficiente para saber que um e-mail no qual prometemos grandes somas sem esforço por empresários estrangeiros improváveis ​​não passa de uma farsa desajeitada, mas o phishing pode ser muito insidioso: alguns e-mails copiam perfeitamente os gráficos e as marcas de um site ou empresa conhecida e use-os para levar você a sites não seguros e coletar seus dados. Sempre dê uma olhada no remetente do emailpara ver se é suspeito. Geralmente, tenha cuidado com mensagens alarmistas e ameaças de fechamento de contas, bem como com pedidos de doações não qualificadas após alguma catástrofe natural. Ortografia e gramática também podem ser uma pista (esses golpes são quase sempre baseados em tradutores automáticos). Quase nunca, no entanto, acontece que os serviços online solicitem suas senhas por email.
  • Também tenha cuidado com o golpe do ” estrangeiro que paga “: durante uma transação, a outra pessoa, um comprador que não seja um residente do Brasil, pode fazer uma transferência bancária ou cheque acima do valor estabelecido “por engano” e pedir a você para devolver o dinheiro extra com um serviço de transferência de dinheiro imediato. O problema é que seu banco levará algum tempo para descobrir que a transferência é falsa, mas você já pagou com um bom dinheiro.
  • NUNCA execute arquivos anexados provenientes de fontes suspeitas.
  • Verifique sua conta regularmente para ver se tudo está normal.

O que fazer quando a fraude é descoberta

Às vezes, todas as precauções não são suficientes e você é vítima de fraude, ou pelo menos tem a dúvida de que foi enganado. Mas não entre em pânico.

Primeiro, entre em contato com seu banco , pessoalmente ou através de uma central de atendimento, para verificar e possivelmente bloquear seu cartão. Se houve realmente uma farsa, é necessário, em primeiro lugar, registrar uma queixa junto ao órgão competente.

A partir daqui, após o registro, você pode escolher o tipo de denúncia (por crime telemático ou por roubo / perda) e acessará a área reservada, onde poderá escolher o Departamento de Polícia mais próximo para fazer a denúncia pessoalmente. em frente ao policial judiciário.

Erros de pagamento

O que devo fazer se ocorrer um erro específico durante um pagamento com cartão? Algumas mensagens de erro típicas nos pagamentos com cartão podem ser as seguintes. Lembre-se de que alguns cartões podem bloquear pagamentos por motivos de segurança para proteger sua conta.

  • Recusado – Não honrar – Esse erro também é conhecido como erro 05 ou 20005 em alguns gateways e implica que o banco não autorizou o pagamento, por um motivo não especificado. Nesses casos, pode ser necessário que o cliente tente novamente mais tarde, pois o banco conectado ao cartão não forneceu explicações específicas sobre o problema.
  • Operação negada pelo banco (às vezes: TRANSAÇÃO NEGADA, ENTRE EM CONTATO COM SEU BANCO ) – Esse tipo de erro implica que o banco não autorizou o pagamento, por um motivo não especificado. Nesses casos, pode ser necessário que o cliente tente novamente mais tarde, pois o banco conectado ao cartão não forneceu explicações específicas.

Os pagamentos com cartão podem ser recusados ​​por vários motivos diferentes, geralmente relacionados a motivos de segurança. Vejamos alguns casos muito comuns.

O cartão requer a inserção de um CVC e você não o fez

Muitas transações ainda funcionam hoje sem o CVC, mas na maioria dos casos, para ativar, elas precisam entrar no CVC, mesmo que o cartão de crédito esteja armazenado. Portanto, se você se encontra na situação de efetuar um pagamento de um site com um cartão salvo no site ou aplicativo anteriormente, insira o CVC manualmente a cada compra, pois os gateways não estão autorizados a salvá-lo.

Não há dinheiro suficiente no cartão

Se não houver dinheiro no cartão, por exemplo, devido a um salário atrasado ou porque você não recarregou o pré-pago, e o valor presente não for suficiente para cobrir o valor da compra, a compra não será possível. Nesses casos, lembre-se de que, se você recarregou o cartão por transferência bancária, por exemplo, pode ser necessário pelo menos um dia útil para receber o dinheiro e utilizá-lo para compras on-line. Considere nos casos de encontrar cartões recarregáveis ​​com transferências instantâneas (suporte para Sofort e Rapid Transfer , por exemplo). As recargas PostePay e pré-pagas, em regra, funcionam em circuitos instantâneos (tabacarias, recargas on-line etc.).

“Verified by Visa” ou “MasterCard Secure Code” necessário para compras on-line

Alguns tipos de compras podem ser feitos com sucesso apenas se o seu cartão suportar o 3D Secure , ou seja, se (além das credenciais de pagamento clássicas) adicionar uma camada de proteção adicional à transação com uma senha descartável enviada ao telefone, pagamento após pagamento. Use um cartão compatível com Verified by VISA ( PostePay, por exemplo) ou Mastercard Secure Code , neste caso, e aprenda a reconhecer essa situação pelos logotipos apropriados.

Conta Digital Superdigital | Descubra Como Funciona!

Superdigital é a primeira conta digital a permitir moedas diferentes do real. É possível trocar entre 9 moedas, incluindo dólares, euros, libras, pesos.

A grande vantagem é que, se você escolher um pacote de frete, poderá obter o Superdigital MasterCard gratuitamente, gastando R$ 500 ou mais por mês.

A conta também pode ser usada como cartão de viagem, pois é possível fazer o balanço em diferentes moedas que não o Agente Imobiliário (BRL).

A taxa de câmbio é sem dúvida um dos aspectos mais fortes da conta digital do Santander. O titular da conta pode vender o Real brasileiro (BRL) por 9 outras moedas: dólares americanos, dólares canadenses, euros e libras. Você pode ter contas digitais em moedas diferentes do real, como ienes, yuan, dólar australiano, dólar da Nova Zelândia e guarani do Paraguai e peso Chile.

A taxa de câmbio está muito próxima do dólar do turismo (agora estimado em 6,38% IOF).

O pacote por US $ 9,90 (pode ser grátis!) Oferece 1 cartão físico e 5 cartões virtuais gratuitos da Internet.

O cartão virtual funciona como um cartão de crédito normal e o valor de suas compras sempre vai contra as contas, porque não há fatura! Lembre-se de que a SuperDigital é uma conta pré-paga e não um cartão de crédito.

Você também pode usar sua conta para comprar máquinas de cartão porque possui um número de conta na sua conta SuperDigital e na conta do Banco Santander.

Como abrir uma conta superdigital

Existem duas maneiras de abrir uma conta: online ou por meio de um aplicativo. Se você escolher a primeira opção, acesse web.superdigital.com.br/cadastro e preencha o formulário de registro gratuito, responda ao formulário on-line e salve sua senha em apenas 10 etapas.

A segunda maneira de desbloquear o Superdigital é um aplicativo disponível no Android e iPhone. Abrir uma conta pelo aplicativo é a opção mais recomendada, pois você pode se inscrever para transações financeiras (pagamentos, transferências, reinicialização etc.).

A maioria das entradas é liberada imediatamente para uso. Pode ser necessário enviar documentos por motivos de segurança, se a conta do usuário for imprecisa, por isso é importante concluir o registro com cuidado para que sua conta possa ser usada imediatamente.

Depósito mínimo – não, você pode economizar o quanto quiser. Mas lembre-se de que se você escolher um pacote gratuito, não poderá transportar mais de US $ 200 por mês. Se você gastar US $ 500 ou mais em um cartão físico ou virtual, o pacote poderá ser liberado por US $ 9,90.

Requisitos para abrir uma Superdigital

  • Ser maior de 18 anos – Infelizmente a Superdigital só permite titulares com 18 anos ou mais. Embora a fintech não permite titulares menores de 18 anos, quem tem a conta digital consegue solicitar um cartão adicional no nome de qualquer pessoa, independente da idade.
  • Ser residente no Brasil – A conta só está disponível para residentes no Brasil, caso resida no exterior não será possível abrir uma conta pelo aplicativo.
  • Ter CPF regular na Receita Federal – Para abrir a conta é necessário que o CPF do solicitante da conta esteja regular na Receita Federal, pois haverá a checagem do documento na base de dados do governo.
  • Não é necessário ter o “nome limpo” – Uma outra boa notícia é que o titular da conta não precisa estar com o nome limpo para ter uma conta Superdigital, a fintech só oferece cartão de débito e virtual pré-pago. Não há, portanto, consulta aos órgãos de proteção ao crédito.

Tarifas da super digital

Para desbloquear a sua conta digital da Superdigital, você deve escolher uma de suas assinaturas gratuitas ou pagar US $ 9,90 por mês para ver todos os recursos da conta digital.

Veja os detalhes dos pacotes da Superdigital.

Pacote Experimenta

  • Mensalidade grátis
  • 1 cartão virtual grátis
  • Transferência gratuita entre contas Superdigital
  • Recarga de celulares
  • Depósitos e recarga Superdigital sem custo
  • Câmbio em até 10 moedas
  • Limitação de movimentação de até R$200 por mês;

Pacotes gratuitos são muito limitados! Você ficará temporariamente fechado até o próximo mês para sua transferência de US $ 200 ou mais mensalmente.

Pacotes gratuitos estão disponíveis para aqueles que desejam experimentar a conta antes de selecionar o pacote de US $ 9,90.

Pacote Você Que Manda

  • Mensalidade: R$9,90 por mês ou GRÁTIS caso gaste R$500 ou mais no cartão por mês
  • 1 saque ou transferência grátis por mês para outros bancos
  • 1 cartão físico
  • 5 cartões virtuais grátis
  • Pagamento de contas e boletos ilimitados
  • Transferências ilimitadas entre contas Superdigital
  • Recarga ilimitada de celulares
  • Depósitos e recargas ilimitadas em sua conta Superdigital
  • Câmbio em até 10 moedas
  • Saques na rede Banco24Horas (1 gratuito)
  • Saques no exterior através da rede Cirrus
  • Sem limite de movimentação mensal

Se o cliente exceder o pacote gratuito, serão pagas taxas adicionais.

  • R$5,90 por saques nos caixas eletrônicos do Banco24Horas
  • R$5,90 por transferências para outros bancos
  • R$4,90 por cartão virtual extra emitido
  • R$2,00 por emissão de saldo ou extrato nos caixas eletrônicos do Banco24Horas
  • R$19,90 por saque no exterior através da rede Cirrus

R$14,90 por cartão físico extra ou 2ª via de cartão emitido

COMO ECONOMIZAR DINHEIRO SÉRIO E SEM SENTIDO DE FALHA

REGRA Nº 1: Crie uma meta de economia clara e definida

Vamos começar do começo.

Você não pode salvar sem ter em mente uma meta precisa e específica do que deseja obter dos recursos recuperados e, acima de tudo, não economiza muito para economizar.

Há duas razões pelas quais você absolutamente deve definir uma meta específica (com nome e sobrenome) para sua economia:

  1. Porque dessa maneira você é capaz de quantificar exatamente o trabalho que precisa fazer para obtê-lo. Há muita diferença se você precisar recuperar R$150 por mês, R$​​2.500 por ano ou R$12.000 … As ações que você vai realizar e o esforço para colocá-las são definitivamente diferentes.
  2. Porque mantém a motivação e a concentração altas, mesmo quando uma despesa inesperada (que você pode aprender a gerenciar) ameaça colapsar todo o trabalho realizado e você sente vontade de vomitar tudo e atirar em todos naquele país …

Portanto, dê os nomes e sobrenomes certos às coisas e defina suas metas de economia.

REGRA # 2: Concentre-se nas coisas que alteram o equilíbrio (regra 80/20)

Você conhece a regra de Pareto de 80/20?

Essa regra famosa diz que 80% dos seus resultados devem vir de 20% dos esforços .

Como eu previ, você também pode raciocinar para recuperar os centavos da sacola de compras, mas no final estamos sempre falando de algo que, se tudo correr bem, coloca você no bolso alguns reais ao longo de 1 ano.

Estamos falando a sério?

Existem maneiras de recuperar recursos importantes que realmente valem a pena colocar suas energias (consulte as regras 7, 8 e 9).

Por exemplo, negocie as comissões na conta bancária e remova os débitos odiosos e inúteis dos nomes mais imaginativos, como “comissões de serviço” ou “comissões pontuais”, que não significam nada e geralmente representam o caminho com que focamos na palha sem ver a viga.

Se você quiser descobrir quais são as ações que realmente mudam o equilíbrio, onde explico como economizar R$1.000 em 30 dias .

Portanto, concentre-se nas ações e técnicas mais impactantes e esqueça as coisas triviais.

Se você ainda não o leu, como economizar dinheiro todos os dias e acumular até R$ 40.000 em 10 anos, mudando definitivamente o saldo.

REGRA 3: Aprenda a diferença entre preço e valor

Este ponto é absolutamente fundamental!

Para explicar, precisamos dividir o mundo em duas categorias: armas curtas e poupadores reais .

A diferença é enorme e parte da capacidade de distinguir entre o preço e o valor de uma coisa ou pessoa.

Os braços curtos são aqueles que vão ao restaurante, abrem o cardápio e sempre levam o que custa menos, independentemente do que ele gostaria de pedir (que, se você comeu em casa, salvou …).

São eles que julgam você e fazem as contas no seu bolso dizendo frases como ” sim, então gastar para [iphone, vestido, botas, bolsa … inserir objeto] é realmente um absurdo … “.

Ou eles dizem ” mas esse preço é absurdo … tudo bem, mas está tudo marchando … você está pagando a marcha …

Em resumo, armas curtas são pessoas que SEMPRE colocam o preço de uma coisa na frente, SEM SEMPRE OLHAR PARA O VALOR ADICIONADO que é criado em sua vida.

Os investidores reais são pessoas muito diferentes.

Estamos falando de pessoas que entendem a diferença entre preço e valor e são capazes de fazer escolhas no campo em favor do que realmente importa em suas vidas.

Ao economizar de maneira sábia e metodológica em itens de pouco valor, eles conseguem liberar e gerar recursos financeiros para serem usados ​​em compras e despesas, o que traz um valor agregado real às suas vidas.

Por exemplo, poupadores reais dizem frases ” não, obrigado, não me importo ” (veja como a frase se concentra nelas, não na objetividade do alto preço!).

Ou pensam sobre o que obteriam de uma despesa específica e, se não a considerarem de valor suficiente, tratam-na com a lupa do preço, fazendo pulgas para obter o máximo de economia.

Ah, também os poupadores verdadeiros são pessoas positivas e pró-ativas, que arregaçam as mangas e agem concretamente para recuperar recursos, mesmo quando “o cobertor é curto”.

Não é como aqueles chorões de armas curtas, que só conseguem reclamar continuamente e culpar as más multinacionais, a marcha, o estado etc. do pouco dinheiro (e do alto preço) …

MÉTODOS PRÁTICOS PARA SE OBTER APROVAÇÃO DE CARTÃO DE CRÉDITO PARA NEGATIVADOS

PASSO A PASSO :

  1. Leia o artigo até o fim para entender todos os passos!
  2. Procure um botão no final do artigo e clique nele!
  3. preencha todas as informações que serão lhe solicitada
  4. coloque um email
  5. assim que você mandar seu email ,vão te mandar uma mensagem nele
  6. siga os passos pedido nesse email.
  7. Aqui no artigo vamos te explicar tudo sobre o cartão de crédito,caso você não o ler poderá ter problemas futuramente, então leia-o para saber todas as vantagens e desvantagens do cartão que você solicitará!

Os bancos de poupança e agências costumam cobrar taxas pelos cartões de crédito. Os cartões de crédito estrangeiros, no entanto, geralmente são gratuitos, mas também apresentam algumas desvantagens
2,50 euros por mês para o cartão de crédito – parece pouco, mas com o tempo as taxas aumentam. A Berliner Sparkasse, por exemplo, cobra 30 euros por ano pelo simples Visa ou Mastercard , e o cartão do parceiro custa 15 euros.

Dentro de dez anos, os casais pagam 450 euros ao banco. Um estoque de dinheiro que você pode salvar a si mesmo.

Procurando o cartão de crédito certo ? Com a nossa calculadora de cartão de crédito gratuita , você a encontrará.

Cartões de crédito gratuitos sem conta obrigatória

Consumidores inteligentes ignoram as taxas do cartão de crédito. Como mostra nossa comparação de cartão de crédito , você recebe cartões de plástico gratuitos em muitos bancos. Para bancos diretos como DKB, ING-Diba ou Comdirect, essa é a regra.

No entanto, o cartão de crédito geralmente está vinculado ao uso da própria conta corrente do banco. Se você não deseja alterar sua conta corrente, pode usar cartões de crédito independentes e gratuitos . Exemplos incluem o ICS Visa World Card da ABM Amro, o Santander Sunny Card ou o CardNmore MasterCard do British Barclays Bank.

Serviços adicionais de cartões de crédito gratuitos

Os usuários do cartão se beneficiam de vários benefícios do cartão de crédito. Portanto, o pagamento dentro da zona do euro é gratuito, assim como o segundo cartão para o parceiro.

Além disso, os cartões de crédito gratuitos oferecem benefícios adicionais: o cartão de crédito CardNmore paga, por exemplo, 0,5% de juros sobre depósitos, com o Visa World Card você pode sacar dinheiro fora da zona do euro em todo o mundo gratuitamente e o Sunny Card renunciou nos primeiros seis meses com juros de débito.

Retirar dinheiro com cartões de crédito gratuitos pode ser caro

Mas as ofertas gratuitas também têm algumas desvantagens. Por exemplo, retirar dinheiro dentro da área do euro entre cinco e seis euros por saque é comparativamente caro – aqui estão os simples cartões giro recomendados.

Além disso, os juros de débito a pagar caem com mais de 15% bastante exuberante. Para comparação: vistos gratuitos ou cartões master de bancos diretos costumam cobrar menos de 10% de juros de débito

Cuidado ao ultrapassar a linha de crédito

Alguns cartões de crédito oferecem linhas de crédito altas. A combinação de altas taxas de juros de débito e cheque especial exagerado pode colocar os usuários de cartão na poeira: se o limite de crédito estiver esgotado e o saque a descoberto não for recuperado rapidamente, novas taxas de juros serão constantemente aumentadas.

Se você também debitar a conta corrente da conta corrente, os juros da dívida acumularão permanentemente. Dica: Os mutuários prudentes automatizam o reembolso por ordem permanente e transferem pelo menos uma quantia não muito pequena a cada mês para a conta do cartão de crédito.

Resumo das vantagens do cartão de crédito:

  • Cartões de crédito permitem pagamentos sem dinheiro
  • Eles geralmente são fornecidos com várias ofertas adicionais
  • Cartões de crédito são aceitos em todo o mundo – sem qualquer alteração ou tempo de espera
  • Você paga apenas uma única conta uma vez por mês
  • Os cartões de crédito fornecem uma visão geral precisa de todas as despesas
  1. Os benefícios do cartão de crédito sob o microscópio

Os cartões de crédito têm vários benefícios diferentes dos quais seus proprietários podem se beneficiar. Em primeiro lugar, os pagamentos sem dinheiro são uma dessas vantagens: os portadores de cartão de crédito têm menos probabilidade de cruzar a linha dos ladrões porque geralmente carregam apenas uma pequena quantidade de dinheiro – e o cartão de crédito da carteira economiza muito espaço. Isso se mostra particularmente vantajoso no exterior , pois os cartões de crédito são um meio de pagamento popular e descomplicado no mundo, pois ao pagar com o “dinheiro de plástico” conversões e tempos de espera irritantes são coisas do passado.

No entanto, o cartão de crédito não apenas convence nas férias, mas também na vida cotidiana, com inúmeras ofertas adicionais que são disponibilizadas por algumas empresas: descontos em seguros ou combustíveis são apenas alguns desses bônus dos quais os titulares de cartão de crédito podem se beneficiar. Independentemente desses benefícios, os titulares de cartão de crédito geralmente recebem uma fatura uma vez por mês para pagar todas as despesas incorridas pelo cartão de crédito e se beneficiam de uma visão geral de todos os pagamentos, o que pode ser particularmente benéfico ao fazer compras regulares.

No entanto, o cartão de crédito não é apenas um número excelente nas lojas: as lojas on-line também tornam cada vez mais possível pagar com cartão de crédito, tornando as compras na Internet mais simples e menos complicadas. E por último, mas não menos importante, o cartão de crédito não leva o nome em vão: embora o proprietário basicamente não receba um “empréstimo” real, ele se beneficia do fato de que a conta é realmente debitada algumas semanas após a compra real devido ao adiamento do pagamento sem juros.

Os cartões de crédito não são tão populares sem motivo: os cartões pequenos são caracterizados por uma infinidade de vantagens que os usuários podem beneficiar tanto no exterior quanto em casa. Isso inclui, entre outras coisas, as inúmeras funções adicionais equipadas com alguns cartões de crédito, a alta aceitação no exterior, torna os pagamentos de férias ainda mais fáceis e rápidos, além da capacidade de efetuar pagamentos em lojas on-line com cartão de crédito de forma rápida e fácil.

  1. Quais são as desvantagens de ter um cartão de crédito?

Na vida cotidiana, os cartões de crédito trazem apenas algumas desvantagens – mas se você tiver azar o suficiente, golpeie na tecnologia ou se o cartão de crédito for roubado, o problema será inevitável. Pode ser o caso, por exemplo, se o terminal da loja em que o pagamento é feito com cartão de crédito for quebrado ou se os mecanismos de segurança das lojas on-line forem insuficientes e os fraudadores interceptarem os dados do cartão de crédito.

Fraudes e abusos também podem ocorrer offline: se o cartão de crédito for roubado , os ladrões poderão fazer compras sem serem incomodados – especialmente se você mantiver o PIN do cartão de crédito junto com o cartão. Nesse caso, você é responsável em caso de danos muito mais extensos do que com um roubo “normal” do seu cartão de crédito. Além de fraude e roubo, o custo de um cartão de crédito geralmente causa frustração: além de taxas anuais às vezes bastante altas, os proprietários de cartões de crédito podem até pagar as comissões que as empresas precisam repassar aos operadores de cartão de crédito. Afinal, a última desvantagem de um cartão de crédito é tão irritante quanto banal: a empresa em que você confia não aceita pagamentos com cartão de crédito.

Embora os cartões de crédito dificilmente estejam associados a qualquer desvantagem na vida cotidiana – por outro lado, se a tecnologia falhar ou se houver fraudadores no trabalho, o cartão de crédito rapidamente se tornará um obstáculo. Ao pagar em lojas on-line ou por roubo, os bandidos costumam obter informações valiosas sobre cartão de crédito e compram com satisfação às custas da parte lesada. Caso contrário, o terminal de pagamento poderá entrar em greve ou a empresa não aceitará pagamentos com cartão de crédito.

SOLICITE UM CARTÃO DE CRÉDITO NO VENCEDOR DO TESTE MILES & MORE

  1. Cartão de crédito vs. Cartão CE: diferenças nos detalhes

Muitas pessoas se perguntam se preferem usar o cartão de crédito para pagamentos ou o cartão de débito do banco da empresa – na verdade, os dois tipos de pagamento diferem apenas um pouco. Para pagamentos com cartão de débito, a conta será debitada imediatamente, enquanto as transações com cartão de crédito precisarão ser liquidadas apenas com o extrato mensal do cartão de crédito – essas são basicamente todas as diferenças entre cartão de débito e crédito. Tem que ser pago de qualquer maneira – então qual método você deve escolher?

Ao pagar com cartão de crédito, lembre-se sempre de que o “crédito” está tentando gastar mais dinheiro do que deveria – se você perder o controle dos pagamentos com cartão de crédito, poderá se endividar rapidamente. No entanto, isso pode acontecer com um pouco de má sorte com o cartão de débito, a menos que você verifique regularmente seus extratos bancários. Se possível, você deve pagar na empresa com cartão de crédito, se alguém se atreve a acompanhar todas as despesas: Como isso geralmente indica apenas sua assinatura, o risco de espionagem de dados confidenciais, como o PIN, é extremamente baixo.

Basicamente, cartões de crédito e cartões de débito diferem apenas em um ponto: os pagamentos com cartão de débito são debitados imediatamente da conta, enquanto os proprietários de um cartão de crédito se beneficiam de um pagamento diferido até a próxima fatura do cartão de crédito. Como você tem que pagar de qualquer maneira e pode se endividar nos dois métodos, geralmente você prefere o pagamento com cartão de crédito, pois isso é apenas um sinal e nenhum dado confidencial na frente dos outros deve especificar.

  1. Os melhores cartões de crédito em resumo

Qual é o melhor cartão de crédito? Infelizmente, também não podemos responder a essa pergunta, pois a resposta depende de um grande número de fatores individuais com os quais o futuro proprietário do cartão de crédito deve lidar com antecedência. No entanto, podemos apresentar as empresas mais amigáveis ​​ao cliente com a oferta mais atraente, que você pode querer examinar mais de perto.

Consorsbank : o cartão Visa Consorsbank impressionou no teste por sua disponibilidade gratuita, sem taxa anual de cartão e pela capacidade de sacar dinheiro em casa e no exterior gratuitamente em todos os caixas eletrônicos com a marca VISA. Além disso, não há taxas para pagamentos na zona do euro, o que torna o cartão Visa Consorsbank o companheiro ideal no exterior.

DKB : Além disso, o cartão DKB Cash Visa está convencido de várias vantagens: ele também não possui taxa anual de cartão e permite ao usuário, tanto no exterior quanto no mercado interno, sacar dinheiro – também conta com um programa de bônus com muitas ofertas e uma taxa grátis. cartão de sócio.

Barclaycard : Por último, mas não menos importante, o Barclaycard, fundado em 1968, marca pontos com uma infinidade de vantagens diferentes, das quais clientes com requisitos diferentes podem se beneficiar igualmente. Com três modelos diferentes de cartão de crédito disponíveis na empresa do Reino Unido, os clientes sempre podem escolher a melhor oferta certa para suas necessidades.

Em nossa extensa comparação , surgiram três fornecedores diferentes, convencidos por uma oferta particularmente amigável: enquanto o Barclaycard agora oferece uma gama completa de cartões de crédito com condições favoráveis ​​ao cliente, o DKB Cash Visa está disponível como um cartão de crédito gratuito com programas de bônus e um cartão de parceiro grátis. enquanto o cartão Visa Consorsbank convence os turistas em particular com suas várias vantagens.

SOLICITE UM CARTÃO DE CRÉDITO NO VENCEDOR DO TESTE MILES & MORE

Conclusão: Os cartões de crédito estão associados a inúmeros benefícios

É improvável que os cartões de crédito tragam muitos benefícios que beneficiarão os proprietários não apenas no mercado interno, mas também no exterior: os cartões de crédito permitem pagamentos de férias sem troca de moeda ou longos tempos de espera e também podem ser usados ​​para compras on-line convenientes. As desvantagens surgem apenas se você não prestar atenção suficiente ao seu cartão de crédito e se tornar vítima de fraude – ou mesmo se a tecnologia entrar em greve. No entanto, como esse raramente é o caso, você deve preferir o cartão de crédito ao cartão de débito, se possível – especialmente se você puder usar um modelo particularmente amigável para o cliente de um dos nossos principais fornecedores.

Intervalos De Pontuação De Crédito O Que Eles Significam

Você já ouviu falar ou saber o que é intervalo de pontuação de crédito?

Bom se você já sabe o que é e como funciona beleza, agora se você não então leia essa matéria que fala tudo que você precisa saber sobre o assunto.

Calculado com uma fórmula baseada em variáveis, incluindo histórico de pagamentos, número de contas e valores devidos, sua pontuação de crédito pode afetar a taxa de juros que você paga a um credor e até fazer a diferença entre um empréstimo ser aprovado ou recusado. Aqui estão alguns princípios básicos de pontuação de crédito e quais pontuações em uma variedade de intervalos podem significar para o seu futuro empréstimo.

Noções básicas de pontuação de crédito

Sua pontuação de crédito é um número que representa o risco que um credor corre quando empresta dinheiro. Uma pontuação do FICO é uma medida conhecida criada pela Fair Isaac Corporation e usada pelas agências de crédito para indicar o risco de um mutuário. Outra pontuação de crédito é o VantageScore , desenvolvido por meio de uma parceria entre três agências de relatórios de crédito: Equifax, Transunion e Experian.

Seu cálculo da pontuação de crédito representa seu risco de crédito em um momento, com base nas informações encontradas no seu relatório de crédito . O FICO e o VantageScore mais recente variam de 300 a 850, embora a maneira como cada um analise suas pontuações em diferentes classificações varie. No entanto, em ambos os casos, quanto maior a pontuação de crédito, menor o risco para o credor. As pontuações do FICO serão usadas para os fins deste artigo.

Pontuação de crédito excepcional: 800 a 850

Os consumidores com uma pontuação de crédito na faixa de 720 a 850 são considerados consistentemente responsáveis ​​quando se trta de gerenciar seus empréstimos e são os principais candidatos para se qualificar para as menores taxas de juros. No entanto, as melhores pontuações estão na faixa de 800 a 850 . Pessoas com essa pontuação têm um longo histórico de ausência de pagamentos em atraso e baixos saldos em cartões de crédito. Os consumidores com excelentes pontuações de crédito podem receber taxas de juros mais baixas em hipotecas, empréstimos e linhas de crédito porque são considerados de baixo risco por não cumprir seus contratos de crédito.

Muito Bom Pontuação de Crédito: 740 a 799

Uma pontuação de crédito entre 740 e 799 indica que um consumidor geralmente é financeiramente responsável quando se trata de gerenciamento de dinheiro e crédito. A maioria dos pagamentos, incluindo empréstimos, cartões de crédito, serviços públicos e pagamentos de aluguel, é feita dentro do prazo. Os saldos dos cartões de crédito são relativamente baixos em comparação com os limites das contas de crédito.

Boa pontuação de crédito: 670 a 739

Ter uma pontuação de crédito entre 670 e 739 coloca um tomador de empréstimo próximo ou ligeiramente acima da média dos consumidores dos EUA, já que a pontuação média nacional no FICO é de 704 em setembro de 2020. Embora eles ainda possam obter taxas de juros competitivas, é improvável que consigam o ideal taxas das duas categorias mais altas, e pode ser mais difícil se qualificarem para alguns tipos de crédito.

Pontuação de crédito justo: 580 a 669

Pensa-se que os mutuários com pontuação de crédito variando de 580 a 669 estejam na categoria “justa” ou “média”. Eles podem ter alguns detalhes em seu histórico de crédito, mas não há grandes inadimplências. Ainda é provável que sejam concedidos créditos pelos credores, mas não a taxas muito competitivas.

Pontuação de crédito ruim: abaixo de 580

Um indivíduo com uma pontuação entre 300 e 579 tem um histórico de crédito significativamente danificado. Isso pode ser o resultado de vários padrões em diferentes produtos de crédito de vários credores diferentes. No entanto, uma pontuação ruim também pode ser o resultado de uma falência, que permanecerá em um registro de crédito por até 10 anos. Os mutuários com pontuação de crédito que se enquadram nesse intervalo têm muito pouca chance de obter novo crédito. Se sua pontuação estiver nesse intervalo, fale com um profissional financeiro sobre as etapas a serem tomadas para reparar seu crédito.

Sem crédito

Todo mundo tem que começar de algum lugar. Se você tem uma pontuação de crédito muito baixa (por exemplo, menos de 350), é provável que ainda não tenha estabelecido uma pontuação de crédito e não tenha um histórico de crédito. Converse com seu credor local sobre seus requisitos de empréstimos. Quando você for aprovado para seu primeiro empréstimo ou cartão de crédito, configure um padrão de pagamento responsável imediatamente para estabelecer um bom registro de crédito

A linha inferior

Sua pontuação de crédito é baseada em vários fatores e pode ser usada para determinar se você se qualificará para pedir dinheiro emprestado, bem como os termos, incluindo a taxa de juros, do empréstimo. O pagamento consistente de suas contas em dia e integral ajudará a evitar danos à sua pontuação de crédito.

Como economizar a sério, sem cortar tudo e sem se sentir culpado

Quando as pessoas se perguntam como economizar dinheiro seriamente , infelizmente há um problema muito, muito sério a ser enfrentado.

Esse problema é chamado de ” conselho sem sentido dos falsos gurus de noartri “.

E considerando que estamos falando de poder recuperar dinheiro para ser usado para apoiar o estilo de vida, não suporto que haja grupos de charlatães que se aproveitem dele, desperdiçando tempo e, de fato, dinheiro.

As dicas de que ” cortar tudo é a única solução real para economizar ” simplesmente não funcionam e , neste artigo, quero explicar o porquê .

Quero também mostrar a você como economizar dinheiro de verdade, sem culpa e de maneira concreta e sustentável ao longo do tempo.

Mas tenha cuidado, devo lhe dizer uma coisa imediatamente, de maneira clara e transparente: se você é uma pessoa que pensa que poupar é apenas uma questão de sacrifícios e cortes, este artigo NÃO é para você.

Se, em vez disso, você é uma pessoa próativa , acostumada a lidar com situações e problemas, mesmo quando são difíceis e desafiadores, continue lendo, porque este artigo é ABSOLUTAMENTE adequado para você .

Em poucas palavras, os principais problemas dos métodos que você deseja cortar e desistir de tudo estão na ordem:

  • Vá contra a natureza da mente humana dizendo que a melhor maneira de economizar é não gastar (gran ca @@ ata . )
  • Esforce-se para desistir de coisas que lhe trazem valor real
  • O sentimento latente de culpa no julgamento imposto por aqueles que lhe dizem o que você tem que desistir (geralmente todos os prazeres da vida …)
  • O desperdício de tempo e energia para realizar ações inúteis e sem impacto, como economizar nos centavos da sacola de compras
  • A frustração dada pelo leitmotiv sempre se baseia no fato de que tudo depende da sua força de vontade … (mas vá)
  • Concentre-se APENAS no lado de saída e no corte e NUNCA no lado de entrada

Mas vamos com calma e vamos ver os vários aspectos juntos.

A verdadeira razão por que economizar conselhos nunca funciona

Ao longo dos anos, procurei diferentes soluções e maneiras de obter mais economia:

  • Configurei arquivos do Excel para preencher diariamente
  • Coletei recibos para registrar
  • Criei orçamentos para cada item de despesa
  • Baixei aplicativos para o telefone para marcar as saídas

… mas, apesar de tudo isso, nunca consegui ir além do primeiro momento inicial de euforia.

Algumas coisas renderam alguns frutos pequenos, mas nada realmente resolveu o problema de uma maneira estruturada e significativa!

A razão é que esses métodos são exaustivos, exaustivos e exigentes.

Percebi que passava o tempo todo pensando em quanto eu estava deixando de lado, quanto eu tinha que cortar, em que despesa eu tinha que desistir e se eu tivesse feito bem as contas para poder ficar nela e ficar quieta no final do mês.

Além disso, olhando ao redor, tudo o que encontrei foi apenas uma série de conselhos sobre o que cortar, geralmente temperados com uma pitada de culpa.

Meus favoritos são aqueles que dizem que você precisa desistir de sair com os amigos no sábado à noite, que deve evitar tomar um aperitivo ou evitar pedir uma cerveja no restaurante (ou pelo menos trocá-la por uma pequena).

Mas eu digo, serei livre para fazer o que eu quiser com meu dinheiro .

É possível que eu tenha que me ouvir sendo espancado no modo “mestre” por esses “gurus” abençoados, apenas porque gosto de gastar meu dinheiro de maneira diferente deles?

Sem mencionar o campeão absoluto de porcaria sobre a poupança que o convidam a ” prestar atenção também para o pequeno saco de moedas compras “, como se essa coisa realmente mudou algum equilíbrio em minhas finanças.

A máxima absoluta proposta é sempre a mesma: “a melhor maneira de economizar é não gastar”.

Ok, agora que vimos essa “nova verdade revelada”, podemos ir em frente e conversar sobre como economizar seriamente dinheiro? Thanks!

COMO ECONOMIZAR DINHEIRO SÉRIO

Existem três maneiras sérias de recuperar recursos financeiros:

  • CORTE despesas desnecessárias (isso é descontado)
  • OTIMIZE despesas existentes (menos descontos do que você imagina)
  • PRODUZIR mais receita (sem desconto)

Para alcançar verdadeiros resultados significativos, essas três ações devem ser realizadas juntas .

Além disso, há mais um passo a ser adotado quando essas três técnicas forem colocadas em prática.

Trata-se de automatizar o processo e torná-lo quase zero impacto!

Quase zero, porque o objetivo é configurar um piloto semiautomático e simplesmente verificar se ele segue a rota esperada, verificando a configuração de vez em quando.

Eu não sei sobre você, mas na minha vida eu gostaria de me concentrar em fazer outra coisa, como aproveitar o valor de um lindo dia na praia ou nas montanhas com minha família, ou sair para jantar com amigos ou ao cinema para assistir a um bom filme .

Dicas Essenciais Para Aumentar O Limite Do Cartão De Crédito Do Banco Inter Em 2020

O cartão de crédito Inter Bank é um dos mais desejados no momento, pois além de ter uma conta corrente totalmente gratuita e 100% digital, existe também a possibilidade do cliente bancário solicitar a função de crédito no aplicativo. No entanto, algumas vezes o cliente pode receber um limite muito baixo, o que consequentemente os fará tentar, de alguma forma, aumentar o limite do cartão de crédito do Banco Inter. Outro motivo pelo qual o cliente não recebe um limite tão alto é porque a renda pode não suportar mais do que foi concedido.

Sem dúvida, os bancos digitais estão revolucionando a maneira como lidamos com dinheiro. O Banco Inter se consolida como uma das principais opções no mercado brasileiro. Além disso, o banco possui um cartão de crédito sem anuidade, onde você pode gerenciá-lo completamente por meio do aplicativo, o que facilita muito a nossa vida. O aumento do tempo, agilidade e falta de burocracia permitem muito menos problemas para realizar transações financeiras. Mas agora veja abaixo como aumentar o limite de crédito do Banco Inter.

Como aumentar o limite do cartão de crédito do banco

Se você chegou até aqui, é porque se encaixa em algumas das situações listadas acima. No entanto, o cartão de crédito do Banco Inter não permite solicitar um aumento de limite, como acontece no Nubank. Ou seja, o aumento de limite será realizado se você pagar suas contas em dia, tiver uma boa pontuação de crédito, um bom relacionamento com o banco, entre outros fatores.

Algumas dicas para aumentar o limite:

  • Atualize sua renda;
  • Pagar faturas no prazo;
  • Concentre suas despesas no cartão de crédito;
  • Tenha uma boa pontuação de pontuação de crédito;
  • Tenha um bom relacionamento com o banco;
  • Mova sua conta corrente.

Considerações finais

Portanto, a única maneira de aumentar o limite é realmente se concentrar em pagar suas contas em dia. Evite ter seu nome negado no SPC ou Serasa e, se possível, antecipar pagamentos de faturas. Dessa forma, o Banco Inter entenderá que é possível aumentar o limite de crédito, porque você tem a melhor chance de se organizar financeiramente. O que significa que o risco de concessão de crédito é menor.

Dessa forma, o Banco Inter aumenta automaticamente o limite de crédito do seu cartão. Se você seguir e seguir as dicas acima, provavelmente terá o limite aumentado.

É importante ter em mente que, mesmo que o limite do cartão seja alto, ele precisa ser bem gerenciado. Ou seja, não é apropriado sair comprando tudo apenas porque o limite permite, o que mais importa é poder pagar tudo no prazo. Isso porque será possível obter mais crédito no mercado, como financiamento de veículos, apartamentos, entre outros.

Como economizar dinheiro

Aprenda a viajar

Agora eu organizo viagens ao Japão e a maior satisfação que tenho é ver que as pessoas que nos primeiros dias não conseguem entender nada em toda essa ” bagunça “, então, depois de alguns dos meus conselhos, começam a entender como se mover, ter coragem e até decidir separe do grupo e vá para alguns lugares com total autonomia . É claro que uma viagem com uma escolta sempre presente, com guias oficiais e excelentes serviços, pode ser um pouco mais cara que uma viagem do tipo faça você mesmo, mas certamente poderia ser conveniente, para não fazer como eu aos 18 anos de idade no Japão. Eu estava realmente ” perdido “, em tudo sentidos.
Basicamente, as viagens do tipo faça você mesmo adquiridas na Internet têm custos mais baixos do que as agências, mas, sendo do setor, garanto que esse nem sempre é o caso; portanto, faça algumas cotações antes de decidir a priori o que é melhor para você.
Para aprender a viajar, faça uma viagem com amigos acordados, com uma viagem em grupo ou leia os guias e descubra qualquer coisa relacionada à viagem. Saber viajar ao viajar pode economizar muito dinheiro.

Tomar café da manhã no bar com cappuccino e croissants é um verdadeiro prazer , não sei se você concorda, mas provavelmente sim.
É difícil desistir do prazer de um cappuccino de vez em quando, mas, em vez de ir sistematicamente ao bar todos os dias, traga uma garrafa térmica com café caseiro, talvez uma caixa hermética com biscoitos comprados no supermercado ou sobremesas que você fez em casa após algumas receita . Isso é especialmente verdade para os alunos que, em vez de pagar muito dinheiro entre lanches e almoços no meio da manhã, poderiam preparar algo em casa no dia anterior, comer melhor, mais e economizar.

aperitivos

Muitos se divertem na quarta-feira, um na sexta-feira e outro no sábado. A vida social pode ser importante, mas as despesas devem ser tratadas da maneira correta.
É melhor ter uma hora no bar da vila tentando com as mesmas garotas por meses, ou melhor deixar esse dinheiro de lado e passar uma semana em Estocolmo e tentar com alguns suecos? É uma pergunta provocativa, dirigida apenas às crianças, mas é para fazer você entender que, ao tomar um pouco menos de aperitivo em bares de baixo nível, você pode ter dinheiro para passar alguns dias, como deveria estar definitivamente em “lugares”.

restaurantes

Há quem nunca vá ao restaurante, mas quem tem o ” vício ” de comer fora. Na minha opinião, o problema não é o restaurante, mas o fato de que, frequentemente, em restaurantes de nível médio-baixo, eles fazem as mesmas coisas que você pode facilmente preparar em casa .
Obviamente, se você tiver um vale-refeição que lhe dê onde trabalha, aproveite-o, mas o mais inteligente seria usá-lo em alguma mercearia para comprar ingredientes para preparar em casa para o dia seguinte. As economias neste caso podem ser realmente enormes , tanto porque os ingredientes que você pode usá-los talvez até mesmo para o jantar, como porque você quase sempre sabe que comer fora o vale-refeição não são suficientes e você precisa adicionar alguns reais, que naquele momento não são mais do que no final do ano. realmente muito dinheiro.

Compras

Ao fazer compras no supermercado da maneira correta, as economias que podem ser obtidas são realmente imensas .

roupas

Vestir-se bem é importante e acho que 5 roupas de marca e de qualidade são melhores que 50 roupas compradas por alguns reais.
Lembre-se de que as roupas podem fazer parte desse “luxo” que você pode tratar de vez em quando. Se, entre as coisas que você mais deseja na vida, existe uma bolsa Louis Vuitton 5000 reais, mais cedo ou mais tarde você poderá comprá-la, se realmente a desejar.

computador

Trabalho com essas ferramentas (sou fotógrafo como disse) e ganho o dinheiro necessário para viver .
A menos que sua maior paixão seja jogar no computador com novos videogames, não acho que você realmente precise de um computador que custa milhares de reais. Concentre-se no que você faz no computador , não no quão bom é o seu computador ou, pior ainda, no design do seu computador (não quero mencionar a Apple para não criar um espaço de rastreamento para pessoas ofendidas … opa!).

Custos de telefonia móvel

Use menos seu telefone celular, não faça ” promoções ” que fixarão uma taxa fixa todos os meses. Ligar de um telefone celular geralmente não é necessário e faz com que você gaste muito dinheiro.

Jogos de vídeo, mangá, anime etc.

Quando, aos 18 anos, meus colegas gastaram centenas de reais no Playstation 2, novos computadores, jogos e acessórios, mangás, DVDs de anime, gadgets etc. Eu, com o mesmo dinheiro, estava no Japão para ver todas essas coisas em minha terra natal .
Eu nunca me importei muito com videogames, anime, mangá etc. no entanto, é absurdo que muitos gastem mais dinheiro para ter as coleções completas de vários desenhos animados japoneses e não tenham dinheiro para ir e ver essas coisas ao vivo .

carros

Há quem diga que, para economizar muito, seria suficiente não ter carro . É verdade, o carro é uma despesa enorme, mas você está realmente disposto a desistir? Para o trabalho que realizo, não seria possível, além do fato de que não ter meios próprios de dar algumas voltas quando tiver tempo me parece realmente difícil hoje em dia.
No entanto, se você trabalha perto de casa em sua cidade, há uma estação de trem, talvez você possa ficar sem um carro.
e os serviços de compartilhamento de carro em que o carro é usado por sua vez, reservando-o com antecedência. Se alguém conseguir usar esses sistemas com sucesso e não tiver carro, certamente economizará pelo menos 500 reais por ano em seguro, muito dinheiro em gasolina, o custo de compra, corte e revisão. Mas cuidado com os serviços de compartilhamento de carros, na realidade eles só concordam se você fizer uma quilometragem anual muito limitada .

Acessórios para automóvel

Quando eu tinha 18 anos, lembro que um garoto de 21 anos nos mostrou, orgulhosamente, seu carro super equipado. Apenas as várias ” mudanças ” lhe custaram alguns milhares de reais.
Se você está lendo isso, significa que o carro deve ser para você apenas um meio de transporte ; se, no futuro, você tiver mais dinheiro, poderá pegar um carro bonito para se exibir , mas, por enquanto, adapte-se e pegue um carro confortável, seguro e duradouro , mas sem muitos babados desnecessários . Isso não significa ter que pegar o carro mais barato do mercado, pelo contrário, em geral, é melhor gastar algo extra para ter um carro que dure com o tempo, mas evite fazer os difíceis nas várias opções se a economia que você puder obter for alta.

Limpeza dos dentes

Uma das maiores despesas para muitas pessoas é o dentista . Se você escovar os dentes pelo menos 2 vezes por dia, reduz bastante as chances de ter problemas dentários. O uso correto do fio dental é fundamental , desprezado por muitos . A cada 6 meses ou 1 ano você faz a limpeza dos dentes , pode parecer caro, mas como um anúncio antigo diz “é melhor prevenir do que remediar “, não ape nas para a saúde, mas também para a economia que você pode ter.

Outras coisas

Existem dezenas de outras maneiras de economizar dinheiro. Listei as principais para fazer você entender que, com muito pouco a longo prazo, você pode obter muito dinheiro.

Conheça O Cartão De Crédito Black MasterCard Original – Descubra Como Conseguir Um!

O Banco Original oferece, em colaboração com a MasterCard, um cartão de crédito chamado Original MasterCard Black, que oferece comodidade especial aos clientes.

Dê uma olhada nos destaques deste post e como alcançá-lo.

Conheça o Banco Original

O Banco Original é uma instituição financeira totalmente digital, fundada no Brasil em 3 de maio.

Embora já o faça há alguns anos, apenas recentemente (desde 2020) a empresa expandiu-se significativamente e começou a atrair a atenção dos consumidores.

Representa fundamentalmente uma nova fase no relacionamento entre cliente e instituição financeira.

Ao contrário do NuBank, por exemplo, que é um cartão de crédito, ele basicamente oferece todos os recursos de um banco compartilhado, mas facilita o cliente de uma maneira totalmente digital.

O Banco Original é uma novidade que conquistou muitos clientes em busca de agilidade e comodidade no relacionamento com o banco.

Todo o gerenciamento de contas é feito através do aplicativo Empresa, que permite aos usuários verificar seus saldos, extratos, pagamentos, transferências e depósitos. Tudo isso usando seu telefone, computador ou tablet.

Cartão de Crédito Mastercard Black Original

Este modo de cartão é um dos mais “luxuosos” da marca e uma de suas principais vantagens é a coleta de pontos no programa de pontos original.

Neste, cada R5 de compra é igual a 5 pontos, que é para crédito de fatura ou para a compra de vários produtos ou serviços, como passagens aéreas, reservas de hotéis, móveis e eletrodomésticos, por exemplo.

Os pontos são válidos por 36 meses e podem ser pagos de maneira fácil e conveniente por meio do aplicativo bancário.

Vantagens do Cartão Original Mastercard Black

  • Anuidade Grátis no 1º Ano (consulte a empresa para saber as condições);
  • Programa de Pontos Original;
  • Seguro MasterCard® em viagens;
  • MasterCard® Black Concierge;
  • Sala VIP MasterCard® no aeroporto de Guarulhos;
  • VIP Lounge em aeroportos ao redor do mundo através do programa LoungeKey (consulte a empresa para saber as condições);
  • Programa DUFRY RED – 10% de desconto em compras no Dufry;
  • Gestão e controle de gastos pelo aplicativo;
  • Aceito Internacionalmente;
  • Saque em toda Rede Banco 24Horas;
  • Proteção de Compras;
  • Proteção contra roubo e assaltos nos caixas eletrônicos;
  • Seguro gratuito para veículos alugados;
  • Seguro Viagem no valor de US$ 1 milhão no caso de morte ou invalidez;
  • Serviços de Assistências de viagens;
  • Assistência com despesas médicas.

Como solicitar um Cartão Original Mastercard Black

De qualquer forma, certas condições devem ser atendidas para se qualificar para os serviços de cartão:

Renda mínima
Embora não seja informado pelo banco, sabe-se que o produto é destinado a clientes de alta renda. Em geral, pedidos de registro com menos de 4,4 usuários por mês não são aceitos.

É possível obter descontos anuais (ou mesmo descontos de comissões), dependendo da quantidade de investimento e do gasto mensal médio do cliente. Isso requer investir milhares de milhares ou mais por ano e gastar 5.000.000 por mês.

Um detalhe importante é que ambos os critérios devem ser atendidos para receber um desconto: volume de investimento e gasto médio. Se apenas um deles for alcançado, o gerente da conta estará isento.

Atendimento do Cartão Original Mastercard Black

Em relação às consultas no cartão ou em quaisquer outros serviços fornecidos pelos originais, o cliente pode entrar em contato com o computador por meio de seus canais digitais, como um site, email ou rede social.

Algumas pessoas ainda preferem o contato pessoal com um funcionário do banco porque se sentem mais seguras. É por isso que o telefone original fornece o contato:

Pessoa Fisica

  • Para quem não é cliente: 0800 788 0788(todas as regiões);
  • Para quem já é cliente: 4004 0800(capitais e regiões metropolitanas) e 0300 777 0800 (demais localidades).

Nos dois casos, o horário de funcionamento é de segunda a sexta-feira, exceto feriados das 00:00 às 01:00:00.

Pessoa Jurídica

  • Tanto para quem já é cliente quando para quem não é, o telefone é o 0800 705 3000. O serviço ocorre de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h, exceto feriados.

Para informações, cancelamentos e reclamações, o telefone para todas as regiões é o 0800 744 0744, disponível 24 horas por dia.

Como economizar dinheiro

Sempre houve quem me perguntasse como posso pagar viagens ao redor do mundo e jantares em excelentes restaurantes. Sou um fotógrafo profissional, trabalho muito e ganho a quantia certa; meu segredo é simplesmente economizar nas “pequenas” despesas diárias que, no final do ano, formam uma enorme economia que logo se dilapida em alguns momentos .
Para economizar dinheiro, não basta seguir os conselhos usuais que todos dão, mas é necessário entender alguns conceitos-chave relacionados principalmente às ” prioridades ” e fazer escolhas de vida .

A crise não deve parar os sonhos

Sem dúvida, muitas pessoas têm problemas econômicos e há quem não consiga sobreviver, mas isso não deve impedir os sonhos .
Sou da opinião de que se os mais pobres do Brasil realmente querem algo como um jantar em um restaurante fantástico de 200 reais por pessoa, deixando de lado 1 reais por mês, depois de 20 anos ele pode ir para lá. É claro que talvez ele devesse ser ” louco ” por fazê-lo, mas as escolhas dos outros não devem ser criticadas, mas respeitadas .
Este artigo visa fazer você entender que realmente tudo é possível , geralmente com o mínimo de esforço.

Viva o luxo!

Você já esteve em um helicóptero ? Tive a sorte de pilotar um helicóptero cerca de 40 horas na minha vida e ter vistas deslumbrantes. Não só fui de graça, como fui pago para ir para lá desde que tirei fotos do helicóptero. E acredite, é realmente uma emoção incrível .
Há pessoas que sonham com um voo de helicóptero para a vida toda, quando, na realidade, com apenas 280 reais, você pode fazer um passeio pelas Dolomitas com 50 minutos de vôo. É muito dinheiro “queimado” em menos de uma hora, mas no final é algo que todo mundo mais cedo ou mais tarde eles podem pagar. Digo “todo mundo” porque, se você está lendo este artigo, significa que provavelmente está em casa e tem um computador (para não ser pobre na rua) ou que está no trabalho (e, portanto, tem um emprego).
Qualquer coisa que custe menos que 5000 reais todos podem pagar, mais cedo ou mais tarde, mas a vida é feita de prioridades .

A vida é feita de prioridades

Você conhece a pirâmide de Maslow ? é praticamente uma pirâmide conceitual na base da qual existem as principais necessidades do homem (respiração, nutrição , sono …) e, à medida que subimos, há necessidades menos fundamentais . É simplesmente uma maneira de indicar o que o homem realmente precisa e em que ordem. Tudo isso diz respeito a conceitos genéricos e abstratos, mas no que diz respeito a bens e experiências materiais, todos são livres para decidir suas próprias prioridades.
Há quem tem até 40 anos para morar com os pais porque quer ter dinheiro para ter sempre roupas de grife e carros caros, e quem tem 16 anos sente necessidade de sair de casa, ir trabalhar nos EUA . como cozinheiro 14 horas por dia e viva em uma lixeira para aspirar a se tornar um ótimo chef. Há quem com 20 anos tenha um filho e mora com pouco e quem tem 65 anos está cheio de dinheiro, mas sem filhos . A alegria de ter um filho é compartilhada por toda a humanidade, mas com o que você gasta para criar um filho, pode-se fazer uma viagem a cada 6 meses vestindo uma marca, com um carro fantástico, mas é claro , espero, quase ninguém em um carro e a satisfação de ver nascer o próprio filho escolheriam o carro. Não há escolhas “certas” ou “erradas”, mas apenas escolhas que se possa compartilhar ou não. Falando em escolhas comuns , há aqueles que nunca desistem do prazer de sair toda semana com amigos para algum clube, e aqueles como eu, que preferem ficar em casa com frequência, mas fazem uma mega viagem o mais rápido possível.

Compre experiências, não objetos

O que são as rodas de liga leve 5000 reais e o smartphone 6000 reais em sua vida? você se lembrará deles daqui a 30 anos e os valorizará em sua memória?
E se você gastasse esses dinheiro em uma mega viagem de carro, baixo custo, pela América com seu amor ? Tenho certeza que você se lembrará da viagem em 30 anos.
Compre experiências , venha ao Japão comigo , faça um balão de ar quente ou viaje de helicóptero, vá a um restaurante fantástico!

Qualidade, não quantidade

Há quem saia para jantar no restaurante todo domingo, prefiro ir ao restaurante 3 vezes por ano em lugares fantásticos . Há quem, a cada duas semanas, vá comprar roupas em lojas de baixo nível e quem prefere comprar algumas roupas de grife, mas de qualidade.
A quantidade apenas dá uma sensação de bem-estar temporário, mas a qualidade é a verdadeira chave para poder se sentir realizado .

Não faça contas nos bolsos dos outros

Em geral, quem faz contas nos bolsos dos outros não é muito bom em matemática nos bolsos e, quando alguém faz as contas no meu bolso, sinceramente considero-o um pouco de um perdedor que quer ensinar os outros a viver porque ele próprio não gosta. sabe viver.
Para fazer ótimas viagens , desisto de uma montanha de coisas , só isso. Quero mostrar quanto você pode economizar mudando ligeiramente sua vida. Lembre-se, a vida é feita de prioridades , você também não pode desistir de alguns prazeres, mas, no final do ano, não reclame se você não tiver aqueles 1000 reais com os quais você poderia ter passado umas boas férias.

Os melhores corretores de opcoes binarias 2020:
  • Binomo
    Binomo

    O melhor corretor!
    Conta demo gratuita e treinamento para iniciantes!
    Inscreva-se bonus!

  • FinMax
    FinMax

    Corretor de opcoes binarias confiavel! Boa resposta!

Tudo sobre opções binárias e Forex
Deixe uma resposta

;-) :| :x :twisted: :smile: :shock: :sad: :roll: :razz: :oops: :o :mrgreen: :lol: :idea: :grin: :evil: :cry: :cool: :arrow: :???: :?: :!: